Campo Grande •19 de Agosto de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner SEGOV - Mesmo na crise Obras

Da redação | Domingo, 12 de Fevereiro de 2017 - 09h25Reinaldo debate rota bioceânica e gás natural com autoridades bolivianasAudiência será realizada na segunda na Prefeitura de Corumbá

(Foto: Divulgação/Governo de MS)

O governador Reinaldo Azambuja encontrará autoridades da Bolívia na segunda-feira (13) para debater caminhos da rota bioceânica e a utilização do gás boliviano pela usina termelétrica a gás natural que será implantada em Ladário. A audiência será realizada na Prefeitura de Corumbá, às 8h.

Até o momento confirmaram presenças o prefeito Ruiter Cunha; o embaixador da Bolívia, José Kinn Franco; o ministro de Obras Públicas, Serviços e Habitação da Bolívia, Milton Carlos Hinjosa; o coordenador-geral de Assuntos Econômicos da América do Sul/Ministério das Relações Exteriores, João Carlos Parkinson de Castro; e os secretários Jaime Verruck (Semade) e Marcelo Miglioli (Seinfra); além do diretor-presidente da MS Gás, Rudel Trindade.

O ano de 2017 começou com a assinatura de um memorando de entendimento entre Paraguai e Bolívia, autorizando estudos que permitam a interconexão ferroviária entre os dois países, possibilitando acesso do Paraguai ao Oceano Pacífico (por meio do Peru) e da Bolívia ao Oceano Atlântico (via hidrovia Paraguai-Paraná). Nesse sentido, o governador Reinaldo se reúne com a embaixada e ministros da Bolívia para tratar da utilização da malha ferroviária como alternativa para o escoamento da produção sul-mato-grossense.

A utilização do gás boliviano pela usina termelétrica a gás natural que será implantada no município de Ladário também será debatido. No último dia 24 de janeiro, o governo do Estado concedeu a licença ambiental prévia para o grupo baiano GPE (Global Participações em Energia), que pretende investir R$ 900 milhões no empreendimento e gerar 500 empregos diretos, mais dois mil indiretos. As tratativas do governador Reinaldo Azambuja são para reiterar o fornecimento do gás diretamente da Bolívia, via ramal do gasoduto que passa por Corumbá.

Veja Também
Sábado, 19 de Agosto de 2017 - 16h38MEC prorroga prazo de inscrições Interessados têm até terça-feira para se inscreverem nos cursos técnicos
Sábado, 19 de Agosto de 2017 - 16h21Espanha mantém nível de alerta terrorista Com auxílio de outros países Espanha reforça segurança em zona turística
Fronteira prepara a Black Friday
Justiça Federal em MS passa a ter processo eletrônico
Justiça suspende novamente aumento de impostos sobre combustíveis
Mega-sena acumula e prêmio chega a R$ 26 milhões
CCZ abre as portas e foca em educar as crianças
Sanesul ampliará produção de água de poço em 100 mil litros por hora
TJ mantém suspenso decreto que regulamenta Uber na Capital
Lava Jato investiga empresas estrangeiras envolvidas em fraudes na Petrobras
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento