Campo Grande •22 de Julho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner SEGOV - Emprego

Da redação | Quarta, 10 de Maio de 2017 - 14h40Reforma feita por presos gera economia de R$ 4 mi ao governo4ª Delegacia de Polícia, nas Moreninhas, será entregue nesta quinta-feira

4ª Delegacia de Polícia foi reformada por meio do projeto 'Mãos que Constroem'
4ª Delegacia de Polícia foi reformada por meio do projeto 'Mãos que Constroem' (Foto: Marco Miatelo)

Está marcada para as 14h30 desta quinta-feira (11) a inauguração da reforma da 4ª Delegacia de Polícia por meio do projeto “Mãos que Constroem”. A obra foi totalmente realizada por internos do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira. A iniciativa surgiu com o sucesso do projeto “Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade”, que já economizou mais de 4 milhões de reais para o Governo do Estado.

O projeto é uma parceria do Tribunal de Justiça, Conselho da Comunidade e da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) que tem por finalidade a reforma de imóveis da Sejusp por meio da utilização de mão de obra carcerária, a exemplo do projeto do judiciário “Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade”, idealizado pelo juiz Albino Coimbra Neto, da 2ª Vara de Execução Penal de Campo Grande, que promove a reforma de escolas públicas também com a mão de obra carcerária, mas, vai além, utilizando também o dinheiro dos presos para o custeio da obra.

Além da presença do magistrado, que atua hoje como juiz auxiliar da Corregedoria do TJMS, o secretário da Sejusp, José Carlos Barbosa, já confirmou presença na inauguração desta que é a primeira reforma executada pelo “Mãos que Constroem”.

Com custo total de R$ 160 mil, incluindo pagamento de mão de obra carcerária, compra de material, uniformes, equipamentos de segurança e aquisição de ferramentas, o projeto gerou uma economia de até 75% ao Governo do Estado, em comparação ao custo de uma obra pelo modelo tradicional, ou seja, via licitação e contratação de empresa prestadora do serviço.

A reforma teve início em outubro de 2016 e foi concluída no final de abril de 2017, contemplando parte de alvenaria, hidráulica, elétrica, pintura, telhado, substituição de todo calçamento externo e paisagismo, fazendo uma revitalização total do prédio, tanto no setor de carceragem quanto na área administrativa. Além disso, houve a ampliação do refeitório, da sala dos delegados e a criação de um arquivo. A obra também se preocupou com a acessibilidade, por meio da instalação de piso tátil e adequação do banheiro para portadores de necessidades especiais.

De acordo com Fábio Alex Correa, arquiteto coordenador do setor de Engenharia e Projetos da Sejusp e responsável pela execução do “Mãos que Constroem”, “ao término desta primeira reforma conquistamos o reconhecimento do que foi feito. Mas no começo foi muito difícil, houve muita resistência quanto à presença dos presos reformando uma delegacia. Parecia-me que somente eu e o Dr. Albino acreditássemos que pudesse dar certo”.

Mas hoje, conta o arquiteto, ele percebe que esta realidade mudou, ao ponto de receber uma demanda de diversas corporações da Sejusp do Estado inteiro solicitando a reforma de suas unidades via mão de obra prisional. “Já há fila de espera e pretendemos iniciar outras reformas ainda neste ano”, destaca Fábio.

Da desconfiança à integração: Ao longo dos seis meses de obra, relata Fábio, cerca de 36 presos participaram da reforma. O desfecho foi algo que lhe agradou muito, conta ele: “no término deste processo, estávamos todos reunidos: policiais, delegados, presos-operários, técnicos e arquitetos da obra fazendo nossa refeição juntos no refeitório recém-reformado, isto para mim foi uma grande conquista, este ambiente de total integração e cumplicidade”, finaliza.

Um dos internos que passara pela reforma, aliás, foi selecionado e hoje presta serviços de manutenção na sede da Sejusp e a expectativa é de ampliar para três este número.

 

Veja Também
Exposfest Car arrecadará agasalhos para doações em Dourados
Detentos reformam prédio que abrigará alunos de CEI
CCR MSVia pede mais dois dias para oficializar alterações na BR-163
Equipes procuram corpo de criança assassinada em rio
Secretário de Imprensa da Casa Branca renuncia ao cargo
Prefeitura nomeia 80 servidores do concurso público realizado em 2013
Acidente deixa mãe e filha feridas na Capital
Saúde em Dia acontece sábado, dia 22, na praça CEU
Garota envolvida em acidente fatal recebe alta médica
Contribuinte pode reparcelar débitos em até 48 vezes
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento