Menu
6 de dezembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Dívidas públicas

Refis é oportunidade para quitar dívidas

Prefeitura oferece desconto de até 90% nos juros e possibilidade de parcelamento do débito

4 Set2018Luany Mônaco - Especial para o Diário Digital18h40
Secretário de finanças da prefeitura de Campo Grande Pedro Pedrossian (Foto: Luiz Albeto)
  • Atendimento acontece das 8 às 16 horas, inclusive em horário de almoço
  • Secretário de finanças da prefeitura de Campo Grande Pedro Pedrossian (Foto: Luiz Albeto)
  • (Foto: Luiz Alberto)
  • (Foto: Luiz Alberto)
  • Dona Eva Lopes saiu do local de atendimento feliz da vida e sem dívidas (Foto: Luiz Alberto)

Para quem está enrolado com as contas públicas municipais a prefeitura de Campo Grande oferece mais uma chance de extinguir as dívidas, o Refis está sendo realizado mais uma vez na Capital e oferece 90% de desconto nos juros para quem pagar as dívidas à vista e parcelamento para quem não pode quitar tudo de uma vez. O programa foi iniciado nesta segunda-feira (03) e segue até o dia 31 de outubro deste ano.

Em meio a crise financeira que todo brasileiro vive é difícil escolher entre pagar a mensalidade dos estudos da filha ou quitar os impostos com o governo, e por isso, de acordo com o secretário de finanças de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, o Município apresenta aos moradores da Capital uma alternativa diferenciada de quitação de contas, hoje um em cada três contribuintes do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) possui débito com a cidade.

Os contribuintes campo-grandenses devem ao Município R$ 2,6 bilhões. Apenas no ano de 2017 os cofres públicos deixaram de receber R$ 159 milhões que, de acordo com o secretário, fazem falta no reajuste do servidor, folha de pagamento, merenda escolar, tapa buraco e inúmeros outros benefícios que mesmo pagando impostos há décadas a população deixa de receber.

Diante de um quadro de falta financeira a prefeitura de Campo Grande passa a tomar atitudes mais rígidas quanto ao pagamento de impostos municipais e oferece oportunidades bastante flexíveis a quem não deu conta de quitar as contas. O Refis 2018 é valido para quitação de dívidas de qualquer ano (exceto o de 2018) e serve também para qualquer tributo administrado pela prefeitura de Campo Grande, apenas as multas de trânsito não entram neste esquema já que o efeito pedagógico da punição não seria concretizado.

Considerado um dos mais generosos Refis feitos na Capital o Refis 2018 oferece 90% de desconto nos juros e atualização monetária ao pagamento de dívidas feito à vista, e para quem não tiver condições de pagar tudo de uma vez o custo pode ser dividido em até seis vezes, mas com um desconto menor de 70%, já as multas de qualquer finalidade podem receber descontos de até 80% no valor total. É importante salientar que a inflação do período agora também está inclusa no desconto oferecido pelo programa, ou seja, a atualização monetária não será ajustada ao ano de 2018.

O proprietário deve estar presente para que a dívida possa ser parcelada, mas em casos de pagamento à vista qualquer pessoa pode receber o desconto e fazer o pagamento em nome de outro cidadão. É necessária a apresentação no número de inscrição municipal para que o atendimento seja realizado, o boleto impresso na hora da renegociação pode ser pago no local ou em qualquer banco Bradesco ou lotérica dentro do prazo de vencimento, mas atenção a primeira parcela deve ser paga no momento do acordo.

A Dona Eva Lopes, de 72 anos, tinha uma dívida de imóvel que conseguiu quitar com o Refis 2018, ela conta que saiu do lugar feliz da vida e que a oportunidade dada aos cidadãos é excelente, “sanou minha situação financeira” contou a senhora que recebeu 90% de desconto em um pagamento feito à vista. Satisfeita, Dona Eva deixa a prefeitura de Campo Grande sem dívidas.

A partir desta semana 180 mil cartas devem ser entregues nas casas de devedores alertando sobre a possibilidade de desconto de até 90%, no site da prefeitura os habitantes ainda podem encontrar um boleto com o código de barras já com o desconto para pagamento.

Serviço – Para receber os descontos o habitante interessado deve se encaminhar até a Central de Atendimento que funciona na Rua Arthur Jorge, 500. O horário de atendimento é das 8 às 16 horas, inclusive no horário de almoço.

Veja Também

Mutirão busca acordos entre consumidores e empresas no Cijus
Energisa poderá ter que emitir fatura separada de iluminação pública
Prevenção ao câncer de pele será foco de Campanha em MS
Gestante poderá remarcar teste de aptidão física em concurso
Consórcio arremata MS-306 por R$ 605 milhões em leilão na Bolsa do SP
Agetran interdita ruas para eventos neste fim de semana
Preço da carne sobe em todas as capitais pesquisadas
Coordenadores têm até amanhã para preencher questionário do Enade
Apostador de São Gonçalo acerta seis dezenas da Mega-Sena
Contribuintes enfrentam fila e chuva