Menu
18 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Capital

Receita Federal e Sescon-MS promove ação para orientar população sobre o Imposto de Renda Pessoa Física

Mutirão acontece nos dias 23,24 e 25 de março no Pátio Central Shopping

20 Mar2017Da redação09h56

Declarar o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) é uma tarefa que ainda tira o sono de muitos brasileiros. Cheio de detalhes e com mudanças implementadas a cada ano, o preenchimento do formulário demanda cuidado e exatidão, pois erros considerados simples podem levar o contribuinte à malha fina. Para esclarecer as principais dúvidas da população na hora de prestar contas à Receita Federal do Brasil (RFB), o Sescon/MS (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do MS) em parceria com a Receita Federal, CRC-MS, Pátio Central Shopping e Grupo Capital de Comunicação e Página Brazil, realiza pelo 5º ano consecutivo a Campanha Declare Certo 2017. Os mutirões gratuitos de orientação sobre o IRPF ocorrem ao longo de março e abril em diversas regiões do país. Em Campo Grande, o mutirão será nos dias 23, 24 e 25 de março no Pátio Central Shopping, das 10h às 18h.

Com o slogan “Evite problemas com o Leão, procure a orientação de um empresário contábil”, diretores do Sescon/MS, auditores da Receita Federal, diretores do CRC e acadêmicos monitorados por profissionais vão atender a população de Campo Grande nos dias 23, 24 e 25 de março no Pátio Central Shopping, no centro da capital.

Mudanças - Na declaração deste ano, passa a ser obrigatório informar o CPF de dependentes com 12 anos completos até 31 de dezembro de 2016. Antes a idade mínima era 14 anos. A intenção da Receita Federal é diminuir o risco de fraudes e a inclusão do mesmo dependente em diferentes declarações. “A cada ano, o Fisco investe mais em procedimentos de segurança e cruzamento de dados para garantir a veracidade das informações prestadas pelo contribuinte. Por isso é tão importante procurar a orientação de um empresário contábil e evitar erros”, destaca o presidente do Sescon/MS, Francisco Gonçalves.

Outros dois pontos demandam atenção em 2017. O primeiro atinge aqueles que participaram do Regime Especial de Regularização Cambial e Tributária ano passado. De acordo com o presidente do SESCON/MS, esses contribuintes terão de apresentar declaração retificadora do ano-calendário 2015 ou cairão na malha fina. O segundo ponto diz respeito àqueles que possuem bens e direitos no exterior. “Nesse caso, o contribuinte deverá entregar a Declaração de Capital Brasileiro no Exterior 2017 (CBE), mas o prazo termina bem antes, no dia 05 de abril”, alerta.

A Receita também divulgou mudanças tecnológicas para este ano. Não será preciso baixar dois softwares – o Programa Gerador da Declaração (PGD) e o Receitanet, usado para transmitir o documento –, pois o download será feito em conjunto. O sistema também vai recuperar automaticamente os nomes quando os CPFs ou CNPJs forem informados no formulário, facilitando o preenchimento da declaração.

Para o delegado da Receita Federal, Edson Ishikawa, é importante esse trabalho de esclarecimento, pois evita que contribuintes caiam na malha fina. “A Receita Federal vem a anos realizando um trabalho de aproximação com a população e essa ação é importante para que o contribuinte tenha a orientação e caso tenha pendências um tempo hábil para regularizar a situação e não cair na milha fina”, explicou.

 Serviço:  Campanha Declare Certo – IR 2017

Dias: 23, 24 e 25 de março de 2017    Horário: 10h às 18h

Local:  Pátio Central Shopping

Mais Informações: 3029-6094

Veja Também

Prefeitura entrega cobertores para famílias carentes da Capital
Seja Digital intensifica agendamentos nos CRAS  a partir de segunda
Entidades de classe defendem Plano Diretor da Capital
Comissão aprova vacinação obrigatória e gratuita contra leishmaniose
Curso orienta sobre alimentação e não desperdício de alimentos
Limpeza em lagoa resulta na retirada de 50 sacos de lixo
Incêndio destrói depósito de recicláveis
Portugal libera uso da maconha para fins medicinais
Médico lança 'Dicionário de Saúde e Segurança do Trabalhador'
Obras e projetos anunciados para a Capital