Menu
25 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Acidente aéreo

Falha do motor pode ter sido causa

Aeronave estava com o tanque cheio de combustível no momento da queda

15 Abr2017Laureano Secundo09h25

“O que eu posso adiantar é que não foi falta de combustível, pois eles estavam com mais de 100 litros de gasolina no tanque do avião. Então, para dizer o que que aconteceu, se foi o motor que parou, é muito prematuro para falar”. Esta foi a afirmação o delegado Rodrigo de Freitas, da Polícia Civil de Cassilândia ao declarar que há suspeita de falha no motor da aeronave monomotor que caiu ontem (dia 14) em Cassilândia.

“A aeronave estava sendo pilotada pela pessoa que tinha a qualificação para isso, segundo apurado através de testemunhas. Apesar de jovem, o piloto era bastante experiente”, diz.  Os dois ocupantes morreram no acidente. As vítimas, identificadas como Otávio Borges e Luiz Henrique, eram de Itajá (Goiás).

O acidente foi perto do aeroporto de Cassilândia, que fica a 418 km de Campo Grande. Neste sábado, é esperada a chegada de equipe da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). Segundo testemunhas, não se ouviu barulho de motor, mas só o barulho do impacto. De acordo com o Cassilândia News, o delegado ainda informou que houve um voo preliminar, com mais pessoas no avião.

Veja Também