Menu
20 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner Governo - Maio amerelo
Campo Grande

Projeto de valorização da cultura afro vai capacitar professores

Iniciativa faz parte do projeto 'Conhecendo nossa história: da África ao Brasil'

12 Set2017Da redação17h31

Professores da Rede Municipal de Educação (Reme) terão a oportunidade, a partir deste mês, de passar por capacitações que terão como foco a promoção e preservação da cultura afro-brasileira. A iniciativa faz parte do projeto “Conhecendo nossa história: da África ao Brasil”, parceria entre a Semed (Secretaria Municipal de Educação), Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo) e Fundação Palmares, que será lançado nesta quarta-feira (13), às 8 horas, no Centro de Formação da Semed.

A ideia do projeto é fortalecer ações educativas pautadas nos tratamentos igualitários e também atender ao Plano Municipal de Educação e à Lei n. 10.639/03, que estabelece as diretrizes para a educação das relações étnico-raciais e para o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana.

Para isso, serão oferecidas formações continuadas aos docentes dos diversos componentes curriculares, com a proposta de fomentar o conhecimento sobre a história e culturas do continente africano e dos afro-brasileiros, assegurando o respeito à diversidade.

As formações irão propor uma mudança de comportamentos por parte dos docentes envolvidos na utilização de práticas pedagógicas e materiais didáticos utilizados em sala, fornecendo aos profissionais ferramentas que os auxilie a identificar estereótipos e conceitos pré-definidos nos materiais didáticos.

As capacitações ocorrerão de forma semipresencial, sendo três encontros presenciais, somando 12 horas e 48 horas por meio do ambiente virtual Moodle, que é uma sala de aula virtual onde o usuário tem a possibilidade de acompanhar as atividades do curso via internet. Nesta plataforma são disponibilizados os conteúdos elaborados pelos professores.

Serão convidados a participar das atividades os professores da Rede Municipal que atuam nas turmas do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental. Os encontros presenciais acontecerão no período noturno, no Espaço de Formação Lúdio Martins Coelho.

Veja Também

Rodovia que 'esfarelou' fica pronta em agosto
Simted suspende greve que iniciou na sexta-feira, dia 18
Dourados receberá Caravana da Saúde Indígena em junho
Campanha de Vacinação já imunizou 129 mil pessoas, diz prefeitura
Projeto estabelece o rastreamento precoce de doenças
Programa Universitário Cidadão tem início em Três Lagoas
Defesa Civil do Estado avalia impactos da cheia do Pantanal
Câmara conclui votação da regulamentação da profissão de físico
EUA acusam aliado de Maduro de narcotráfico e impõem sanções
Projeto endurece pena para homicídio contra população LGBT