Menu
20 de junho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Nacional

Projeto cria cargo para fiscalizar a liberdade condicional

Atualmente, a fiscalização do benefício é feita pela Polícia Militar

21 Mai2019Agência Câmara17h39

Projeto de Lei 1596/19 cria o cargo de oficial de liberdade condicional, que ficará responsável pela fiscalização do cumprimento das exigências impostas ao condenado beneficiado com o livramento condicional. A proposta tramita na Câmara dos Deputados.

De autoria do deputado Major Vitor Hugo (PSL-GO), o texto altera a Lei de Execução Penal (7.210/84). A lei determina que o condenado em livramento condicional deve atender a alguns requisitos, como obter trabalho lícito e não mudar de endereço sem comunicar ao juiz.

Atualmente, a fiscalização do benefício é feita pela Polícia Militar. Para o deputado Vitor Hugo, esse trabalho acaba desviando a PM de outras funções mais relevantes, como o policiamento das ruas. A situação torna-se mais grave, segundo ele, diante do reduzido efetivo de policiais militares no Brasil.

“Dessa forma, pensando nesse problema hoje existente, sugiro estabelecermos a competência ao oficial de liberdade condicional para acompanhar o cumprimento das condições impostas ao beneficiário do instituto do livramento condicional”, disse o deputado.

Pelo projeto, o oficial de liberdade condicional deverá comunicar imediatamente ao juiz da execução o descumprimento, pelo condenado, dos requisitos exigidos para recebimento do benefício.

Tramitação - O projeto será analisado em caráter conclusivo pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Veja Também

Investir em educação é eficaz para redução de homicídios, diz Unicef
Total médio de anos de estudo cresce no Brasil, diz pesquisa do IBGE
Movimentos brasileiros pela sustentabilidade
Campanha vai imunizar 200 mil cães e gatos
Corpus Christi altera funcionamento dos serviços públicos; confira
Servidores arrecadam seis mil peças de roupas e doam para FAC
Agehab divulga lista de habilitados para sorteio de apartamentos na Capital
Detran não abre na sexta, mas vistoriadoras mantêm atendimento
Zezé Di Camargo faz campanha pró Cota Zero em MS
Operação Limpa Pátio no Detran-MS