Campo Grande •28 de Maio de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Mariel Coelho, em colaboração ao Diário Digital | Quarta, 21 de Setembro de 2016 - 13h59Enfermagem da Santa Casa decide cruzar os braços a partir do dia 27Categoria reivindica aumento de 11,30%, mas hospital alega não ter condições

Duas novas assembleias irão ocorrer, uma no período da tarde e a outra a noite a pedido da SIEMS.
Duas novas assembleias irão ocorrer, uma no período da tarde e a outra a noite a pedido da SIEMS. (Foto: Divulgação)

Nesta quarta-feira, dia 21, os profissionais da área de enfermagem da Santa Casa de Campo Grande aprovaram, em assembleia geral, a paralisação das atividades, a partir do dia 27 de setembro, caso os administradores do hospital não retomem as negociações salariais. A categoria está disposta a negociar, mas a Santa Casa não apresentou nenhuma proposta de aumento de salário até o momento.

O presidente do SIEMS, Lázaro Santana, explica a reivindicação da categoria. “A data base, ou seja, período para reajustes nos salários é 1º de maio. Desde abril, tentamos diálogo com os representantes patronais. Reivindicamos o percentual de 11,30%, mas o hospital alega que não tem condições e sequer demonstra interesse em negociar com a categoria. Não podemos aceitar perdas, a paralisação é última alternativa da categoria que luta por um salário justo”, destaca o presidente.

Ainda nesta quarta-feira, duas novas assembleias irão ocorrer, uma no período da tarde e a outra a noite a pedido da SIEMS.

Veja Também
Vídeos
Diário Digital no Facebook
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento