Menu
22 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Campo Grande

Professor da UEMS escreve livro de ficção inspirado em infância Corumbaense

Meninos da Colina será lançado durante o VI Encontro de Estudos Literários da UEMS, que acontece no final de outubro

14 Set2016Da redação09h01

Professor de Literatura da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Ravel Giordano Paz acaba de escrever o livro Os Meninos da Colina. A narração é de seu personagem Jean, um garoto que acabou de se mudar para a Colina, bairro rico em uma cidade de porte médio, Vinilândia. Segundo o autor, a obra é inspirada no período de sua infância, em que residiu em Corumbá. “No livro a cidade é fictícia, mas a inspiração é de Corumbá. Trago essa história comigo desde a época que vivi na cidade”, explica Ravel.

O professor doutor Ravel Giordano Paz tem vários artigos e outras produções científicas publicadas. Em 2009, publicou Serenidade e fúria: o sublime assimachadiano, resultado da tese de doutorado em Letras Vernáculas pela USP, e em 2012 organizou o livro A indústria radical: leituras de cinema como arte-inquietação. Os Meninos da Colina é sua primeira obra de ficção. “Publicar uma obra de ficção e derrubar um estereótipo de que nós críticos literários somos autores frustrados”, comenta Ravel.

Os Meninos da Colina será lançado em Campo Grande durante o VI Encontro de Estudos Literários da UEMS, que acontece no final de outubro. Ravel ainda pretende lançar o livro em Corumbá e outras cidades de MS. (Com UEMS)

Veja Também

ONU celebra suspensão de testes nucleares da Coreia do Norte
Mais de 1,4 mil travestis e transexuais pediram nome social no título
Obra de drenangem interdita trecho da Leão Neto na segunda-feira
Ponte de concreto para substituir a que caiu está 91% concluída
Confira os 12 erros mais cometidos na Declaração do IR
Tribunais e cartórios de MS serão inspecionados
Usando arte, evento alerta contra a cultura do estupro
Homem morre afogado após veículo cair em rio
Aposta feita em Brasília fatura mais de R$ 9 milhões na Mega-Sena
Fiocruz fabricará remédios contra HIV e hepatite C para ofertar no SUS