Campo Grande •20 de Fevereiro de 2018  • Ano 7
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Águas Guariroba - Campanha Águas Faz Mais

Da redação com Agência Brasil | Sábado, 11 de Fevereiro de 2017 - 14h18Presidente justifica nomeação de ministroDefesa foi encaminhada pelo presidente Michel Temer ao ministro do STF

O Palácio do Planalto apresentou ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello os motivos para a nomeação de Wellington Moreira Franco como ministro da Secretaria-Geral da Presidência. A mensagem, encaminhada à Corte pela advogada-geral da União, Grace Mendonça, é uma resposta ao pedido de Celso Mello feito ontem (9), em que o ministro deu 24 horas para que o presidente Michel Temer prestasse informações que considerasse relevantes para o julgamento de ações que impediram a nomeação de Moreira Franco.

“Não houve qualquer má intenção do Presidente da República em criar obstruções ou embaraços à Operação Lava Jato”, diz o texto subscrito por Temer, pela AGU e pela Subchefia para Assuntos Jurídicos da Casa Civil.

Em mais de 50 páginas de documentos, a Advocacia-Geral da União (AGU) contesta dois mandados de seguranças impetrados no Supremo pelo PSOL e pela Rede que questionam a indicação de Moreira para a secretaria com status de ministério. Segundo os partidos, a nomeação teve a intenção de garantir foro privilegiado ao peemedebista, que é citado na Operação Lava Jato.

Desde a posse do novo ministro, na última sexta-feira (3), uma guerra de liminares teve início na Justiça Federal. Na mais recente, na noite desta sexta-feira, o Tribunal Regional da 2ª Região (TRF-2), com sede no Rio de Janeiro, liberou a posse de Moreira, mas retirou a prerrogativa do foro privilegiado. O impasse só deve ter fim após a decisão de Celso de Mello, no início da próxima semana.

Veja Também
ProUni: selecionados têm até dia 23 para comprovar dados
Secretário-geral da ONU se diz
Corumbá abre inscrições para Academia de Música Manoel Florêncio
Como aproveitar nota do Enem para vestibulares 'fora de época'?
Rodoviária antiga volta a ser debatida na Capital
Contagem regressiva para fim do cadastro de eleitores
Supermercado da Capital é flagrado em propaganda enganosa
Músico leva aulas gratuitas a crianças da periferia
Detran inicia curso de formação de instrutor de trânsito na Capital
Segunda, 19 de Fevereiro de 2018 - 12h30BR-163/MS: obras de melhoria da CCR MSVia exigem atenção dos motoristas Em caso de chuvas as obras poderão ser suspensas, retornando tão logo elas cessem
Square notícia uci
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - Patio central
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2018 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento