Menu
24 de julho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Campo Grande

Prefeitura vai reformar sete terminais de transbordo

Serão investidos mais R$ 5,4 milhões, valor que poderá cair em razão da disputa entre as empresas

25 Jun2019Da redação15h15
(Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)
  • (Foto: Gabriel Torres)

Sete terminais de transbordo do transporte coletivo de Campo Grande serão reformados, anunciou nesta terça-feira, 26 de Junho, a prefeitura da Capital. A abertura da licitação deverá ocorrer nos próximos dias. A previsão de investimento é de cerca de R$ 5,4 milhões (R$ 5.455.274,12), valor que poderá cair devido à disputa entre as empresas participantes da licitação, segundo o município.

Serão reformados os terminais Bandeirantes, Guaicurus, Júlio de Castilho, Aero Rancho, Nova Bahia, General Osório e Moreninhas, além do Ponto de Integração (PI) Hércules Maymone, por onde diariamente chegam a circular até 230 mil usuários. 

Conforme a prefeitura, a reforma incluirá revisão das instalações elétricas; hidráulicas; plano de segurança contra incêndio e pânico; cobertura; reforço do piso rígido do pátio;  pintura geral; troca dos bancos; sala para descanso dos funcionários; área  para estacionamento de bicicleta (bicicletário); guarita dos guardas municipais ou seguranças e grades móveis para o fechamento dos terminais durante a madrugada, quando não há circulação de ônibus.

Fechamento na madrugada - Para evitar a ação de vândalos, que depredam as estruturas durante a madrugada, os terminais serão fechados  quando o último ônibus deixar suas plataformas, com um vigilante na guarita – que será construída.

Outra inovação é a instalação de bicicletários, trazendo para Campo Grande uma intermodalidade comum em outros centros. Os usuários poderão se deslocar de bicicleta até os terminais, onde poderão deixar suas “magrelas”  com segurança, até o retorno para casa.

Em outra etapa, com recursos do Projeto de Mobilidade Urbana, está prevista a ampliação e reforma do Terminal Morenão (que ganhará mais 80 metros quadrados) e a construção de mais dois terminais, nas regiões do Altos do São Francisco e do Bairro Tiradentes, na Avenida Ministro João Arinos.

(Com informações da prefeitura de Campo Grande)

Veja Também

PF detém quatro suspeitos de invadir telefone de Sergio Moro
Inep prorroga prazo de inscrição de servidores
Em 1 ano vigilância de saúde ambiental fiscaliza mais de mil locais
Mãe pede socorro para manter família
Mãe peregrina MS para transplante do filho
Número de eleitores cadastrados por biometria chega a 69%
BR-163 registra 240 queimadas neste ano
Confira escala médica das UPAs e CRSs nesta terça-feira
Café com Negócios
Lista de sorteados para apartamento Sírio Libanês é publicada