Menu
24 de abril de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Semana Santa

Preço do pescado varia até 181,79% na Capital

Pesquisa foi realizada em 15 estabelecimentos na área central e em bairros de Campo Grande

16 Abr2019Da redação15h19

Pesquisa realizada por equipes da Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), nos primeiros dez dias deste mês de abril, tendo como foco peixes de água doce e salgada além de bacalhau (produtos  tradicionais para consumo na Semana Santa)  registrou a menor variação percentual de 0,09 % no caso do bacalhau (lombo), encontrado em apenas dois entre os estabelecimentos visitados. Em um deles o um quilo custa R$ 94,99 enquanto no outro, R$ 94,90.

Por outro lado, a maior diferença foi de 181,79% em relação à sardinha espalmada com 800 gramas, encontrada em três estabelecimentos. O maior preço registrado foi de R$ 21,98  e o menor R$ 7,80, conforme demonstra planilha em anexo.  A pesquisa desenvolvida em 15 estabelecimentos localizados tanto na área central de Campo Grande como em bairros periféricos levou em consideração 59 produtos.

Do total de itens, 27 coincidiram com pesquisa realizada no ano passado permitindo que se estabeleça termos comparativos em relação à evolução dos preços. A pesquisa demonstra que dos 27 itens comparados, 59,25% , ou 16 deles, sofreram acréscimo nos preços comparativamente aos anos de 2018 e 2019,  enquanto 40,75% tiveram decréscimo. Se considerarmos o preço médio dos peixes comuns, o acréscimo registrado entre os dois anos  foi de  2,98%.

Confira abaixo o comparativo de preços.

Planilha

Planilha comparativa 2018/2019

Veja Também

Sri Lanka declara estado de emergência
Plataforma para combater violência doméstica é lançada na Câmara
Vale Universidade Indígena abre período de inscrição na próxima semana
Sanesul e Águas são convocadas para debater qualidade da água em MS
Fórum de diretores de Campo Grande acontece dia 29 de abril
Agehab notifica beneficiários por inadimplência e ocupação irregular
‘Cassems Itinerante’ leva atendimento especializado a cinco cidades
TRE-MS faz cadastramento biométrico em Aparecida do Taboado
Governo anula licitação para compra de kit escolar
Estoque de plaquetas está abaixo do limite