Menu
19 de julho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
II Congresso de Empresas Familiares
Caarapó

Ponte de concreto recebe investimentos de R$ 2,1 milhões

Nova travessia resolve o problema da ponte de madeira que fica no mesmo local

24 Jul2017Da redação09h45

A terceira semana da série especial de reportagens sobre pontes de concreto inicia com informações sobre Caarapó, na região da Grande Dourados. Com investimentos de R$ 2,1 milhões, o Governo do Estado e o Governo Federal constroem uma ponte de concreto armado sobre o rio Amambai, na estrada Fazenda Cascavel, limite do município com Amambai. A travessia terá 88 metros de comprimento sobre seis de largura e vai integrar regiões, fomentando o desenvolvimento local.

A nova travessia resolve o problema da ponte de madeira que fica no mesmo local e sofre danos frequentes devido às chuvas que caem na região. Segundo o governador Reinaldo Azambuja, a edificação ainda objetiva contribuir com a evolução e o progresso da região.

“Pontes são alternativas de transporte, produção e desenvolvimento”, afirma o gestor. Segundo ele, o Estado prevê investimentos de mais de R$ 104 milhões em 90 pontes de concreto em 39 municípios de Mato Grosso do Sul.

“Dessas 90 pontes, 31 já entregamos, 21 estão em execução e outras 38 passam por processo de licitação. Vamos totalizar o maior número de pontes de concreto já construídas em Mato Grosso do Sul. Isso significa desenvolvimento, progresso e, principalmente, integração entre nossos municípios”, pontuou o governador.

Regiões - As pontes pensadas pelo Governo do Estado para promover a integração dos municípios vão atender várias regiões do Estado. Na região de Campo Grande será beneficiado o municípios de Dois Irmãos do Buriti. Na Grande Dourados são contemplados Caarapó, Deodápolis, Glória de Dourados, Jateí, Maracaju e Rio Brilhante. No Bolsão são beneficiados Cassilândia, Chapadão do Sul, Paraíso das Águas e Paranaíba. Na região do Cone Sul, estão relacionados Eldorado, Iguatemi, Japorã, Juti e Naviraí.

Na região do Pantanal, os municípios irmãos Anastácio e Aquidauana são contemplados. Na região Leste as pontes de concreto chegam a Batayporã, Ivinhema e Novo Horizonte do Sul. Já na Norte Camapuã, Costa Rica, Rio Negro e Rio Verde de Mato Grosso são atendidos. Na região Sudoeste são contemplados os municípios de Bela Vista, Bodoquena, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Nioaque. E, na região Sul Fronteira são Amambai, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Laguna Carapã, Paranhos, Ponta Porã, Sete Quedas e Tacuru.

Veja Também

MPE tenta garantir a proteção do idoso no momento da internação
Acadêmicos da UFMS devem se cadastrar para passe do estudante a partir do dia 20
Fazendeiro é multado em R$ 47 mil por desmatamento
Ministro da Segurança anuncia Fronteira Segura
Brasil tem 677 casos de sarampo confirmados, diz Ministério da Saúde
Morte Garoto de 12 morre em acidente Carro da família colidiu de frente com ônibus
Campo Grande terá 36° de calor
Pacientes do SUS vão receber notificações de consulta pelo celular
Projeto proíbe descrição indevida do leite em embalagens de alimentos
CCZ agenda castração de felinos nesta sexta-feira