Menu
16 de fevereiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Roubo

Perseguição e colisão após roubo

Após perseguição, os indivíduos colidiram o veículo em um poste

12 Jul2018Marcos Rivany - Especial para o Diário Digital08h37
Tenente-Coronel, Marcus Pollet, explica como se deu a ocorrência. (Foto: Luciano Muta)
  • Três homen foram presos após roubar residência
  • Tenente-Coronel, Marcus Pollet, explica como se deu a ocorrência. (Foto: Luciano Muta)

Depois de baterem com uma caminhonete roubada em um poste, três homens foram presos pelo Batalhão de Choque nessa madrugada (12). De acordo com o Tentente-Coronel e comandante do batalhão, Marcus Pollet, por volta da meia-noite, o veículo teria passado em alta velocidade por viatura do choque na avenida Gury Marques. Dada ordem de parada, a caminhonete fugiu e então se iniciou acompanhamento tático. Após a perseguição, o carro bateu em poste em outro bairro da capital.

No veículo estavam três individuos, José Henrique Rosa dos Santos, de 20 anos, Leonardo Cardoso Ortelhado, de 21 anos, e Ronaldo da Silva Ferreira Junior, de 24 anos, sendo que todos eles tinham mandado de prisão em seus nomes. Para os agentes, o grupo assumiu ter roubado a caminhonete de uma casa e também uma quantia de mais de R$ 100.000,00 que estava em um cofre dentro da residência.

Enquanto Leonardo conduzia o veículo, os outros dois indivíduos estavam no banco traseiro. Um deles estava com uma arma calibre .38, com capacidade para cinco munições que estavam intactas. Já o outro levava dez munições do mesmo calibre no bolso. "Ao que tudo indica , um indiviuo do interior do sistema prisional sabia da rotina da família e passou as informações para o Leonardo, que foi responsável pelo roubo", destacou o comandante Pollet. 

Já no local do fato, outra viatura teria encontrado um senhor com a cabeça sangrando, por conta de uma coronhada que ele teria levado. Em depoimento a equipe da polícia, o senhor disse que os autores trancaram ele e sua esposa no banheiro durante o roubo e só conseguiram sair com a ajuda de uma das duas crianças que estava na casa, após os homens irem embora.

Foram recuperados cerca de R$ 117 mil, um notebook e também aparelhos celulares. O caso foi encaminhado à polícia civil que vai seguir com as investigações

Veja Também