Menu
19 de maio de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Meio Ambiente

Pecuarista é multado em R$ 38 mil por desmatamento

Local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental

6 Dez2018Da redação15h39

Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizaram hoje (6) vistoria em área desmatada ilegalmente em uma propriedade rural, localizada no município e verificaram que um fazendeiro suprimiu 38 hectares de vegetação nativa, medidos em GPS e constatados também com imagens de Drone. O local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental. Parte da madeira produto do desmatamento das espécies farinha-seca, faveiro e pau-terra, ainda estavam no local.

O infrator (62), residente em Anaurilândia, foi autuado administrativamente e recebeu multa administrativa de R$ 38.000,00. As atividades foram interditadas. Ele responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. O infrator também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

Veja Também

Agendamento online para castrar felinos começa nesta segunda
Famílias são notificadas para deixar área pública
Justiça tenta acordo sobre Rio da Prata
Meta para 2020 é construir 500 mil casas populares, diz Onyx
'Cidade do Natal' ganhará novo visual
Agepan busca solução para melhorar transporte em Ladário
Hospital de Ponta Porã realizou 60 cirurgias ortopédicas
Presidiários recebem curso de Primeiros Socorros da Agepen e Cruz Vermelha
Distribuição de remédios no País será normalizada, diz ministério
Prefeitura realiza projeto de valorização da cultura indígena