Menu
20 de fevereiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Meio Ambiente

Pecuarista é multado em R$ 38 mil por desmatamento

Local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental

6 Dez2018Da redação15h39

Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizaram hoje (6) vistoria em área desmatada ilegalmente em uma propriedade rural, localizada no município e verificaram que um fazendeiro suprimiu 38 hectares de vegetação nativa, medidos em GPS e constatados também com imagens de Drone. O local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental. Parte da madeira produto do desmatamento das espécies farinha-seca, faveiro e pau-terra, ainda estavam no local.

O infrator (62), residente em Anaurilândia, foi autuado administrativamente e recebeu multa administrativa de R$ 38.000,00. As atividades foram interditadas. Ele responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. O infrator também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

Veja Também

Casal apreendido por erro no emplacamento de carro deve ser indenizado
Por decisão do TJ, Polícia Municipal volta a ser Guarda
Planurb promove debate sobre meio ambiente e mercado de trabalho
Servidores mais caracterizados em baile ganharão poupança de R$ 500
Seminário discute implantação de Práticas Integrativas no SUS
Dourados é escolhida para receber projeto de gestão do SUS
Confira escala médica das UPAs e CRSs nesta quarta-feira
Justiça quebra sigilo bancário e bloqueia bens de Longen
Trânsito CCR MSVia realiza pare-e-siga na BR-163/MS devido à execução de serviços Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas. Todos os locais estão sinalizados
MS constrói ponte no maior assentamento do Brasil