Menu
19 de novembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Diversidade

Parada LGBT prevê mais de 3 mil pessoas em Dourados

O tema do evento neste ano é: “Nem rosa e nem azul, nossa luta é colorida"

26 Jun2019Da redação10h15

Acontece a 7 Parada LGBT + de Dourados nesse sábado na praça Antonio João. De acordo com a organização, é esperada a participação de mais de 3 mil pessoas nesta edição, sendo do município e da região. 

O tema do evento neste ano é: “Nem rosa e nem azul, nossa luta é colorida”. A programação acontecerá nos três períodos (matutino, vespertino e noturno). 

Conforme a organização, entre às 09h e às 14h, acontecerá atendimento do Serviço de Assistência Especializada em HIV/Aids, com orientações e testes rápidos. 

A partir das 14h, intervenções culturais, apresentações, shows djs e performances de drags e outros acontecerão no evento. Haverá uma caminhada pela área central por volta das 15h30. 

Frankilin Schmalz, do Coletivo da Parada, afirma que o tema escolhido “Nem rosa e nem azul, nossa luta é colorida” é uma alusão a posicionamento público da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, de que meninas devem vestir rosa e meninos devem vestir azul. 

“É uma resposta a essa afirmação da ministra do Governo Bolsonaro. O atual momento político que enfrentamos no país pode ser considerado um retrocesso para a comunidade LGBT+ e não iremos nos calar”, disse. 

Em 2018, a Parada em Dourados reuniu 500 pessoas conforme apurado pelo Dourados News na época. O evento não ocorria desde 2009 no município. 

Para esta edição, a expectativa é contar com público de mais de 3 mil pessoas, sendo esperadas caravanas de cidades do entorno. 

Frankilin afirma ainda que as principais ‘bandeiras’ que serão levantadas no evento é o combate a violência contra a comunidade LGBT+, mais acesso ao mercado de trabalho, capacitações e combate ao preconceito existente na sociedade. 

“Vai ser um momento de festa, alegria, mas também mostraremos nossas lutas e mostraremos uma mensagem política que não vamos aceitar retrocessos quanto a nossas conquistas”, disse. 

Veja Também

Prefeitura deve multar consórcio Guaicurus
Terça-feira com máxima de 34°C
Rua 14 de Julho recebe acabamento para inauguração
Selo Arte abre horizonte de oportunidades em MS, diz Reinaldo Azambuja
Renovação de matrículas em Três Lagoas começa nesta terça-feira
Fim de semana teve duas mortes por afogamento na Capital
Uso do cinto de segurança nos ônibus interestaduais ganha campanha educativa
Vídeo de jacarés fugindo de trator no Pantanal repercute nas redes sociais
Guardas são afastados das ruas após ação em terminal
Prato baiano de jacaré e hamburguer vencem festival