Campo Grande •16 de Agosto de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner FM Cidade

Da redação | Segunda, 24 de Julho de 2017 - 14h52Obras da Euler de Azevedo são prorrogadas por 120 diasMotivo alegado foi o prolongamento do período chuvoso no Estado

(Foto: Divulgação)

As obras de readequação da capacidade de tráfego da Avenida Euler de Azevedo ou MS-080, na Capital,  receberam um aditivo de mais 120 dias. O anúncio foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), desta segunda-feira (24.7) e prevê aditivo de dias para o lote rural, segmento do Centro de Pesquisas da Agraer (Cepaer) até o anel viário, mas segundo a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) o lote urbano, no trecho entre a avenida Presidente Vargas e a Cepaer, também receberá o mesmo aditivo. O motivo alegado é o prolongamento do período chuvoso no Estado.

De acordo com a Coordenadoria de Empreendimentos Viários (Coemv) da Agesul, no lote rural a solução de drenagem inicialmente prevista teve que ser revista uma vez que, provocaria processo desapropriatório além de colocar em risco a estrutura da via com vala de escoamento na faixa de domínio da rodovia. A nova solução também levou o início dos trabalhos a coincidirem com o período chuvoso.

Ainda segundo a Agência Estadual, mesmo com o aditivo no prazo de execução, não está previsto aditivo de valor ao contrato.

A obra - A readequação da capacidade de tráfego da avenida Euler de Azevedo foi orçada para receber investimentos de R$ 14,7 milhões. Para dar celeridade aos trabalhos, a obra foi dividida em dois lotes: o rural e o urbano. O primeiro conhecido como urbano segue do entroncamento da avenida Presidente Vargas até a Cepaer e o segundo da Cepaer até o entroncamento da MS-080 na saída para Rochedo.

Ao todo serão revitalizados 4,5 quilômetros, que além de serem duplicados contarão com ciclovia. A ordem de serviço da revitalização aconteceu no final de julho de 2016 e com as modificações a obra precisou de um aditivo de R$ 1,4 milhão, passando o orçamento de R$ 14,7 milhões para R$ 16,1 milhões. O cronograma da obra previa execução em 365 dias.

Veja Também
Estudante do IFMS é selecionado para o Parlamento Jovem Brasileiro
Neta de Antônio Morais faz vernissage de estreia com aquarelas
Mais de 40% dos flagrantes de violência contra a mulher resultam em prisão
Regional abre portas do PAM e desagrada prefeitura
STF nega indenização a MT por criação de parque indígena
CMO abre portões à comunidade no dia 27 de agosto
Enfermagem da Uems tem primeiro grupo de acadêmicos no Samu
MS poderá ter Cadastro de Condenados por Racismo ou Injúria Racial
Indígenas bloqueiam rodovia entre Dourados e Itaporã
Quarta, 16 de Agosto de 2017 - 12h20Trechos em pare-e-siga da CCR MSVia na BR-163/MS exigem atenção do motorista Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento