Campo Grande •22 de Março de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Sábado, 11 de Março de 2017 - 12h36Na semana da mulher, OAB/MS debate Lei Maria da PenhaEvento foi realizado no plenário da OAB/MS, em comemoração ao Dia da Mulher

(Foto: Divulgação)

Seminário realizado pela Comissão da Mulher Advogada (CMA), Comissão de Combate à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher (COMCEVID), Comissão Nacional da Mulher e Caixa de Assistência do Advogado (CAAMS) da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), debateu nesta quinta-feira (9) a aplicabilidade da Lei Maria da Penha. O evento foi realizado no plenário da OAB/MS, em comemoração ao Dia da Mulher.

A defensora pública de Mato Grosso do Sul Claudia Bossay Assumpção Fassa, a juíza da 3ª Vara da Violência Doméstica e Familiar de Campo Grande Jacqueline Machado, a delegada e ouvidora geral da Polícia Civil Sidnéia Catarina Tobias, a procuradora de Justiça Jaceguara Dantas da Silva Passos participaram da mesa, mediada pela conselheira da OAB/MS e defensora pública de segunda instância, Nancy Gomes de Carvalho.

A filha da conselheira estadual da OAB/MS Eclair Nantes, Glória Nantes Gastaldi de 12 anos, abriu o evento com um poema sobre a história e a importância do Dia das Mulheres.

O presidente da OAB/MS, Mansour Elias Karmouche, agradeceu a presença de todos e cumprimentou as mulheres da mesa “escolhidas a dedo”, comentando sobre a importância do seminário. “É muito importante que todas vocês estejam conosco para que a gente possa saciar um pouco do nosso interesse daquelas que alcançaram sucesso pela capacidade de fazer algo diferente da vida. Todas as mulheres têm as suas responsabilidades, mas elas dedicaram muito das suas vidas para as suas profissões”, ressaltou. 

Segundo a procuradora de Justiça, Jaceguara Dantas da Silva Passos, a violência doméstica aumentou muito em Campo Grande nos últimos anos. “Em 2011, a violência doméstica era 35% do total de crimes que os promotores atuavam. Em 2015, esse número passou para 48% dos crimes praticados na Capital, quase a metade dos crimes”, comenta.

De janeiro a agosto do ano passado foram registradas 4,2 mil ocorrências de violência doméstica contra a mulher em Campo Grande, de acordo com dados do Sigo, apresentados pela delegada  Sidnéia Catarina Tobias. Destas, 189 ocorrências correspondem a mulheres entre 12 e 17 anos e 886 casos contra mulheres de 18 a 24 anos. “No Estado, foram 10.728 ocorrências de violência contra a mulher, sendo 668 casos contra mulheres de 12 a 17 anos e 2,5 mil contra mulheres de 18 a 24 anos”.

“Devemos pensar a questão de gênero pela hierarquia autoritária. O problema na sociedade hoje é a supervalorização do que é masculino e a inferiorizarão do que é feminino. Os papéis atribuídos às mulheres sempre são papéis menos valorizados. Toda mulher tem o direito de escolher o que ela bem entender. Ela tem direito de escolher trabalhar fora, assim como ficar e cuidar da casa", disse a juíza da 3ª Vara da Violência Doméstica e Familiar de Campo Grande, Jacqueline Machad.

Também estavam presentes a presidente da CMA, Tâmara Sanches Otre; a presidente da COMCEVID, Carine Beatriz; a conselheira da OAB/MS, Souvenir Estigarribea Quintanilha; Patricia Abdo da subsecretária de Políticas Públicas para as Mulheres de Mato Grosso do Sul; uma das fundadoras da União Brasileira das Mulheres (UBM), Maria do Socorro Nunes de Matos.

O mês da mulher na OAB/MS ainda conta com outras palestras e seminários. No dia 17, a senadora Simone Tebet lançará o livro Morte e Vida feminina.

Veja Também
Dia Mundial da Água é celebrado com plantio de mudas nativas
Secretaria de Meio Ambiente de Três Lagoas promove ações no dia mundial da água
Ministro Torquato apresenta programa Empresa Pró-Ética
Brasil carece de legislação para reúso de água, diz coordenador da ANA
Tecnologias inovadoras reduzem consumo de água na construção
Confira escala médica desta quarta-feira na Capital
Ministro da Agricultura vai ao Senado explicar denúncias da Operação Carne Fraca
Quarta, 22 de Março de 2017 - 12h32No Dia Mundial da Água, ONU critica desperdício e pede ações de reaproveitamento Além de atender às necessidades por água limpa, o reúso também significa o tratamento de esgotos e dos efluentes domésticos
Quarta, 22 de Março de 2017 - 11h58“HU de Portas Abertas” recebe visita do Ministério Público Federal Programa visa aproximação com a comunidade e com instituições representativas
Quarta, 22 de Março de 2017 - 11h40“Empreendedorismo em Dois Tempos” é tema de palestra na Uems Palestras acontecerão no Auditório Central da Uems no campus em Dourados
square noticias uci
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento