Menu
27 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Violência

Mulher que levou tiro do ex segue no CTI sem evoluir

Autor do crime perdeu a visão do olho esquerdo e está preso na Capital

11 Abr2017Da redação14h46

 Pâmella Jennifer Garicoi, 32 anos, que levou um tiro na cabeça do ex-marido Johnny Teodoro Souza, que depois tentou se matar, segue internada no CTI da Santa Casa de Campo Grande, sem qualquer evolução do quadro clínico. O crime aconteceu no dia 23 de março, dentro do estabelecimento Império do Gesso, na Avenida Mascarenhas de Moraes, na Capital, onde a vítima trabalhava.

Já Johnny Teodoro Souza  está no sistema carcerário de Campo Grande, preso em flagrante pelo crime. Ele esteve internado na Santa Casa por 15 dias e perdeu a visão do olho esquerdo, em razão do disparo que efetuou contra a própria cabeça. 

Segundo informações da polícia, Johnny que não aceitava a separação. Na tarde do crime, ele entrou no Império do Gesso armado, atirou na vítima e depois em si mesmo. O homem vinha fazendo ameaças para reatar o relacionamento, o que levou Pâmela a procurar a Delegacia da Mulher (Deam) horas antes do crime. Ela tinha uma medida protetiva que impedia o ex-marido de se comunicar ou se aproximar dela.

 Os dois viviam juntos há bastante tempo em um casamento marcado por idas e vindas. O casal tem um filho de cinco anos.

Veja Também