Menu
25 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Comunicações

MS faz quase 10 mil trocas entre operadoras no 1º trimestre

Foram efetivadas 9,67 mil migrações, sendo 3,2 mil na telefonia fixa e 6,47 mil na móvel

10 Abr2017Da redação14h56

Usuários de telefonia de Mato Grosso do Sul fizeram quase 10 mil trocas entre operadoras no primeiro trimestre. Em todo País. houve mais de 1,2 milhão de transferências entre operadoras de telefonia fixa e móvel. Este é o movimento registrado no relatório trimestral da Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações (ABRTelecom), a Entidade Administradora da Portabilidade Numérica no Brasil, sobre os meses de janeiro a março de 2017.

No primeiro trimestre deste ano, foram efetivadas 9,67 mil migrações, sendo 3,2 mil (33%) na telefonia fixa e 6,47 mil (67%) na móvel em Mato Grosso do Sul.

Desde que a portabilidade numérica foi implementada no Brasil, em setembro de 2008, de forma gradativa nos 67 DDDs existentes, até o dia 31 de março de 2017, 36,21 milhões de migrações foram realizadas entre as operadoras do País. Dessas, 13,03 milhões (36%) entre empresas de telefonia fixa e 23,17 milhões (64%) de móvel.

No mesmo período, no Estado de Mato Grosso do Sul, 373,03 mil transferências de operadoras foram efetivadas, sendo 150,08 mil (40%) na telefonia fixa e 222,95 mil (60%) na móvel.

A portabilidade numérica é o serviço que permite trocas de operadoras de telefonia sem alteração do número de identificação do telefone desde que dentro do mesmo serviço - móvel para móvel ou fixo para fixo -, e na área de cobertura do mesmo DDD.

Prazos - A portabilidade numérica inicia quando o titular do acesso/linha telefônico encaminha a solicitação de transferência de operadora comunicando à prestadora atual para qual empresa deseja migrar. A efetivação desta solicitação acontece em três dias úteis ou, quando o usuário fizer um agendamento específico, após esse período.

Caso o titular do acesso decida desistir da migração e permanecer na operadora que lhe prestava o serviço, dispõe de dois dias úteis, após a solicitação de transferência, para suspender o processo em andamento.

Para fazer a portabilidade numérica- Conforme o regulamento da portabilidade numérica, entre os critérios que devem ser atendidos para que o usuário efetive sua migração estão
- Informar o nome completo
- Comprovar a titularidade da linha telefônica
- Informar o número do documento de identidade
- Informar o número do registro no cadastro do Ministério da Fazenda, no caso de pessoa jurídica
- Informar o endereço completo do assinante do serviço
- Informar o código de acesso
- Informar o nome da operadora de onde está saindo.

 Acompanhando - Acompanhe o movimento de pedidos e efetivações de transferências da portabilidade numérica conforme o DDD e a data de início do serviço, pelo site da ABRTelecom http://www.abrtelecom.com.br. O endereço também disponibiliza uma ferramenta de busca para informar a qual operadora pertencem os números de telefones, consulte aqui http://tinyurl.com/9uoob7c

 

Veja Também

Caminhoneiros aceitam acordo e greve será suspensa
AGU já conseguiu 17 liminares para desbloquear rodovias federais
Manifestantes bloqueiam Central da Petrobras
Caminhoneiros não chegam a acordo com governo
Cheia faz Município suspender aulas em escola do Paraguai Mirim
Ruas vazias e postos lotados na Capital
Com sorteio de prêmios, Festa do Sagrado Coração começa no sábado
Copa Assomasul adia jogo devido à greve dos caminhoneiros
Na Capital, combustível acabou em 20% dos postos
Audiência pública debate o reordenamento dos bairros de Dourados