Menu
24 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Campo Grande

Motoristas de aplicativos reivindicam melhorias

Entre as reivindicações está baixar a porcentagem da UBER de 25% para 20%

13 Jan2018Mariel Coelho, em especial para o Diário Digital.12h00
Presidente da APPLIC-MS, Paulo Pinheiro. (Foto: Marco Miatelo)
  • Presidente da APPLIC-MS, Paulo Pinheiro. (Foto: Marco Miatelo)

Motoristas de Uber se reuniram nos altos da Avenida Afonso Pena em frente à Cidade do Natal, na manhã deste sábado, 13 de janeiro, para reivindicar melhores condições de trabalho para os motoristas.

De acordo com o Presidente da Associação dos Parceiros em Aplicativos de Transporte de Passageiros e de Motoristas Autônomos de Mato Grosso do Sul (APPLIC-MS), Paulo Pinheiro, a categoria quer melhorar método de avaliação dos motoristas, o aumento das tarifas atuais, e tentar baixar a porcentagem da Uber que hoje é de 25% para 20%.

“Todos nós esperamos que através destas reivindicações tenhamos os nossos pedidos atendidos. Queremos que haja um aumento nas tarifas que hoje é de R$ 2,50 a partida inicial, R$ 015 o minuto rodado e R$ 1,10 O km rodado, e isso tem que mudar porque desde que a Uber chegou a Campo Grande não ouve aumento” disse Paulo.

Ainda segundo Paulo a categoria precisa de mais incentivos “Nós precisamos de mais incentivos fiscais e do governo. Queremos que o prefeito regularize os motoristas nos moldes de São Paulo, queremos um seguro de vida, uma aposentadoria entre outras melhorias” concluiu o presidente.

Veja Também

Lei que dá desconto no IPTU a quem instalar câmeras é promulgada
Parque da Capital é fiscalizado após denúncia popular
Canditados já podem conferir se tiveram ou não isenção no Enem
Em Três Lagoas, artesãos serão cadastrados e receberão carteirinha
OAB-MS acionará CNJ contra obrigação de digitalizar processos
Vale Universidade Indígena convoca pré-habilitados para nova etapa
Governo premiará servidores que desenvolvem boas práticas no serviço público
Economia Parcelamento de dívidas de micro e pequenas empresas é regulamentado Valor da parcela mínima será de R$ 50,00 para o microempreendedor individual
Moringa pode purificar a água e ainda combater a desnutrição pelo mundo
Secretário fala de ações do Estado para reforçar a segurança na fronteira