Menu
13 de novembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner - AL/MS - Campanha Mudanças
Covardia ao volante

Motorista atropela na faixa de pedestres e foge

Câmera de segurança da prefeitura que poderia ter registrado o atropelamento está inativa

14 Set2018Luany Mônaco - Especial para o Diário Digital18h20
Atropelamento aconteceu entre as Ruas Rui Barbosa e Maracaju (Foto: Luiz Alberto)
  • Jhonatan foi atropelado por um carro que converteu à esquerda sem respeitar a preferência do pedestre
  • Atropelamento aconteceu entre as Ruas Rui Barbosa e Maracaju (Foto: Luiz Alberto)
  • Câmera da prefeitura instalada na esquina do acidente não está funcionando (Foto: Luiz Alberto)
  • Câmera da prefeitura instalada na esquina do acidente não está funcionando (Foto: Luiz Alberto)

O jovem Jhonatan Vinícius Bezerra de Freitas, de 23 anos, ainda sofre as consequências de um atropelamento covarde que sofreu no último dia 22 de agosto. Ele e um amigo foram atingidos quando voltavam para a base do local onde trabalham, no momento o sinal estava aberto para os pedestres, mas ainda assim o motorista avançou e acertou os trabalhadores. Para piorar, uma das câmeras instaladas pela prefeitura, que poderia ter registrado a placa do “fujão”, não está em funcionamento.

O acidente aconteceu no fim da tarde de uma quarta-feira chuvosa. Jhonatan, que é orientador da FlexPark, esperava o semáforo de pedestres da Rua Maracaju abrir para que pudesse atravessar. Assim que o sinaleiro apontou o verde a vítima e um colega de trabalho cruzaram a faixa de pedestres, foi quando um veículo GM Gol G5 Prata, que vinha pela Rua Rui Barbosa, ignorou a existência dos jovens e simplesmente “passou por cima” deles.

O colega da vítima conseguiu, relativamente, se esquivar do impacto e levantou logo em seguida ao atropelamento, Jhonatan tentou se levantar, mas não sentiu as próprias pernas e teve que rolar para chegar até o meio-fio. Uma mulher que fechava comércio no local viu toda a movimentação e chamou a ambulância, outro desconhecido também tentou ajudar, segundo a vítima um motociclista chegou a ir atrás do veículo infrator, mas o motorista do Gol furou o sinal vermelho de outra esquina e conseguiu fugir.

Hoje, mais de três semanas depois do acontecido, Jhonatan ainda sente fortes dores na perna atingida. Ele conta que o impacto machucou um nervo e deu luxação no músculo, o que acarreta em uma enorme dificuldade de locomoção e até em dormir, o jovem tem que se movimentar durante a noite para que não haja dor ou formigamento. Jhonatan provavelmente ainda terá que passar por seções de fisioterapia para voltar a andar normalmente.

Esta não é a primeira vez que acidentes como este acontecem no cruzamento da Rua Rui Barbosa com a Rua Maracaju, a própria vítima deste caso relatou que já presenciou pelo menos três ocorrências parecidas na mesma faixa de pedestres.

Para Jhonatan Vinícius “no centro de Campo Grande o pedestre não tem vez”, segundo o jovem qualquer tentativa de atravessar a rua se torna um grande risco já que os motoristas usam os veículos como armas, e esquecem que podem deixar traumas físicos e até mentais com o impacto direto do automóvel com o corpo do pedestre.

Um boletim de ocorrência sobre o caso já foi confeccionado, mas como a placa do veículo não foi registrada as chances de encontrar o autor do atropelamento são menores, mas não impossíveis. Jhonatan ainda fará uma perícia no INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) para que possa receber o seu seguro DPVAT, ele está há quase um mês sem poder trabalhar, não receberá salário e paga os custos do tratamento sem nenhuma colaboração.

Jhonatan está procurando por mais imagens de câmeras de segurança da região que possam ter registrado a placa do criminoso, “não sei o que aconteceu com o motorista, se ele ficou apavorado... mas ele ter fugido desse jeito sem prestar nenhuma assistência foi sacanagem” relata a vítima. A Prefeitura Municipal de Campo Grande foi procurada em relação ao não funcionamento da câmera instalada naquela esquina, mas até o fechamento desta matéria não obtivemos resposta.

Confira abaixo a filmagem do atropelamento:

Veja Também

Lembre porque o dia do Pantanal existe
Justiça Federal determina o adiamento da eleição da OAB-MS
Hoje é o Dia do Pantanal, Patrimônio da Humanidade e Reserva da Biosfera
Pátio Central sorteia carro zero aos clientes
Especialista do Senac EAD dá orientações de como se proteger de cibercrimes
Balneário de Três Lagoas recebe encontro de Jet Skis
Capital decreta ponto facultativo o expediente de 16 de novembro
Radares só multarão após fase educativa
Refis da Habitação perdoará até 100% de juros e multas
Confira a escala dos postos de saúde nesta segunda-feira