Campo Grande •22 de Julho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner SEGOV - Emprego

Da redação | Quinta, 9 de Fevereiro de 2017 - 20h00Moradora que instalou portão em condomínio terá que reconstruir muroObra foi realizada sem anuência dos demais condôminos

(Foto: Divulgação)

Uma moradora de condomínio residencial foi condenada a demolir um portão eletrônico que instalou sem autorização nos fundos do residencial. A proprietária do imóvel tem prazo de 30 dias para retirar o portão e reconstruir o muro do condomínio sob pena de multa diária no valor de R$ 200,00.

Alega o autor que se trata de um condomínio horizontal composto por 29 casas e que a ré é proprietária da unidade n° 29 e, não satisfeita em atravessar o condomínio para chegar em sua casa, decidiu quebrar uma parte do muro externo do condomínio e instalar um portão eletrônico para seu uso exclusivo. Afirma que a obra foi realizada sem anuência dos demais condôminos e, mesmo notificada extrajudicialmente para demolir a obra e restaurar o muro, a ré não o fez.

Em contestação, pede a moradora pela total improcedência da ação. No entanto, conforme analisou o juiz Renato Antonio de Liberali, titular da 11ª Vara Cível de Campo Grande,  a lei estabelece que é dever do condômino não alterar a fachada e as partes externas, além disso, a Convenção de Condomínio prevê que o morador “deve abster-se de modificar a área comum do condomínio, inclusive a fachada, podendo fazê-lo apenas com anuência dos demais condôminos em assembleia geral, o que não é o caso dos autos”.

Assim, destacou o juiz que “a construção do portão na fachada dos fundos do condomínio altera significativamente o conjunto arquitetônico do condomínio e vai contra todas as regras acima mencionadas”.

Desse modo, concluiu o magistrado, mesmo que a ré alegue que “todos os demais condôminos realizaram obras sem a devida autorização e em desacordo com as leis que regem determinado assunto, nada trouxe aos autos para provar suas alegações. Diante de tais considerações, outra saída não há se não a procedência dos pedidos com a devida demolição da obra construída irregularmente”.

Veja Também
Exposfest Car arrecadará agasalhos para doações em Dourados
Detentos reformam prédio que abrigará alunos de CEI
CCR MSVia pede mais dois dias para oficializar alterações na BR-163
Equipes procuram corpo de criança assassinada em rio
Secretário de Imprensa da Casa Branca renuncia ao cargo
Prefeitura nomeia 80 servidores do concurso público realizado em 2013
Acidente deixa mãe e filha feridas na Capital
Saúde em Dia acontece sábado, dia 22, na praça CEU
Garota envolvida em acidente fatal recebe alta médica
Contribuinte pode reparcelar débitos em até 48 vezes
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento