Menu
25 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Em MS

Micro e pequenas indústrias do vestuário terão subsídio de 80% nos serviços de SST do Sesi

Detalhes acerca da divulgação dessa parceria junto às empresas sindicalizadas foram tratados em reunião promovida no Edifício Casa da Indústria

16 Fev2017Da redação11h55

O Sesi de Mato Grosso do Sul, em parceria com o Sindivest/MS (Sindicato das Indústrias do Vestuário, Tecelagem e Fiação de Mato Grosso do Sul), oferece às micro e pequenas empresas do segmento do vestuário a contratação dos serviços de SST (Saúde e Segurança do Trabalho) com 80% de subsídio. Os detalhes acerca da divulgação dessa parceria junto às empresas sindicalizadas foram tratados em reunião promovida no Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS).
 
Segundo o superintendente do Sesi, Bergson Amarilla, trata-se de uma oportunidade importante para que as empresas se mantenham em conformidade com a legislação vigente. “O objetivo dessa parceria é oportunizar às micro e pequenas empresas o acesso aos serviços de SST da instituição, especialmente os relacionados aos programas de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) e de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA)”, explicou.
 
Para o presidente do Sindivest/MS, José Francisco Veloso Ribeiro, as indústrias precisam manter uma postura preventiva em relação à SST. “Uma vez adequada às normas estabelecidas por lei, a empresa passa a ser mais competitiva. E essa parceria do Sindicato com Sesi faz com que o empresário tenha condições de se adequar” pontuou, ressaltando que dará início ao trabalho de divulgação da parceria por meio de comunicação eletrônica e panfletos informativos.
 
O empresário João Miguel Pinto Costa, da Jovem Uniformes, aproveitou o subsídio de 80% e contratou os serviços do Sesi em outubro de 2016. “Estar amparado legalmente é obrigação de qualquer empresário. Mas os benefícios de se investir em SST vão muito além disso. Observamos uma redução significativa nas ocorrências de acidentes leves e também de atestados médicos”, exemplificou.
 
Para Cláudio Mendonça Salomão, proprietário da confecção Iris Compressiva, a parceria entre as três instituições é uma oportunidade propícia para quem ainda não se adequou à legislação. “Cedo ou tarde o empresário precisará se adequar. Então é preciso considerar o subsídio oferecido e optar pela prevenção”, finalizou.
 
Serviço – Mais informações podem ser obtidas junto ao Sesi pelo telefone (67) 3389-9193 ou com o Sindivest/MS pelo telefone (67) 3324-1963

Veja Também

Caminhoneiros aceitam acordo e greve será suspensa
AGU já conseguiu 17 liminares para desbloquear rodovias federais
Manifestantes bloqueiam Central da Petrobras
Caminhoneiros não chegam a acordo com governo
Cheia faz Município suspender aulas em escola do Paraguai Mirim
Ruas vazias e postos lotados na Capital
Com sorteio de prêmios, Festa do Sagrado Coração começa no sábado
Copa Assomasul adia jogo devido à greve dos caminhoneiros
Na Capital, combustível acabou em 20% dos postos
Audiência pública debate o reordenamento dos bairros de Dourados