Menu
27 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Providência

Favela removida deixou sujeira e entulhos para trás

Moradores do Jardim das Hortências e imediações cobram providências da prefeitura

16 Jun2017Mariel Coelho, em especial para o Diário Digital.17h34
(Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)

Moradores do Jardim das hortênsias estão incomodados com a situação nas Ruas Prímula e Gerbeira, isso porque o local onde antes ficava a Favela Cidade dos Anjos, agora virou depósito de entulhos.

Há pelo menos 40 dias, os moradores da favela foram retirados do local, e levados para um conjunto de apartamento do bairro Jardim Canguru. Cerca de 80 famílias foram contempladas através do programa “Minha Casa, Minha Vida” do governo federal.

Após a retirada dos moradores da favela, ficaram restos de móveis deixados pelos antigos moradores como: sofás velhos, móveis e entulhos de construção jogados. Além do local estar bem sujo e cheio de mato, usuários de drogas não tem o menor receio de fumar e até mesmo vender drogas à luz do dia no local.

O Diário Digital entrou em contato com a Prefeitura de Campo Grande para saber, quais serão as providencias, mas até o fechamento desta matéria não obtivemos nenhuma resposta.

Veja Também

Vítima de acidente, engenheira morre em hospital
Prefeitura da Capital afirma ter suprido déficit de medicamentos
23° Encontro de Estudantes de Relações Internacionais será na Capital
Vereadora solicita construção de UBS para bairros da Capital
Usina indenizará vítima de atropelamento em rodovia
Câmeras flagraram atropelamento fatal
Vacinação contra gripe na Praça Ary Coelho
Vereador apresenta projeto a supermercados para reaproveitar alimentos
TJ permite que candidata continue em concurso para escrivã de Polícia
População retira kit gratuito para sinal digital