Menu
23 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Crime Ambiental

Jovens são multados em R$ 4 mil por pichações em monumentos

A pena prevista é de três meses a um ano de detenção

27 Set2016Da redação11h22

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande autuaram nesta terça-feira, dia 27 de setembro, dois jovens que foram detidos fazendo pichação em monumentos de Campo Grande. A PMA foi acionada pela Guarda Municipal, para realizar os procedimentos administrativos (multa ambiental), em razão de ocorrência encaminhada à delegacia de Polícia Civil, quando os dois pichadores, um estudante, residente no Jardim Imá e o outro, um inspetor de alunos, residente na Vila Palmira, ambos de 21 anos, foram surpreendidos pichando monumentos na avenida Noroeste (Orla Morena), no bairro Cabreúva, na Capital.

A PMA autuou administrativamente os infratores e aplicou multa de R$ 2.000,00 para cada um. O Imasul (Instituto Estadual de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) será o responsável pelo julgamento administrativo, o qual pode ainda majorar o valor, pois a multa prevista pelo Decreto Federal 6.514/2008 é de R$ 1.000,00 a R$ 50.000,00.

Os autuados responderão também por crime ambiental, conforme a Lei Federal 9.605/1998. A pena prevista é de três meses a um ano de detenção.

Veja Também

Estudo avalia se hidrelétricas na Bacia do Paraguai causam impacto ambiental
OAB anuncia novo recurso contra cobrança de bagagem em aviões
TJ mantém condenação por homicídio culposo em acidente de trânsito
Caravana da Saúde está de volta e ampliada
Assomasul promove treinamento sobre fiscalização de imposto
Empresa realiza maratona de programação para escolher estagiários
Obras do Reviva Centro alteram linhas de ônibus neste fim de semana
Em Brasília, cemitério que abriga personalidades é ponto turístico
Universidade realiza corrida de carrinhos de rolimã neste sábado
Projeto de Fábio Trad atualiza legislação militar no combate a crimes sexuais