Campo Grande •29 de Março de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Aguas - Campanha Março

Da redação | Sexta, 30 de Setembro de 2016 - 17h24III Festival Internacional de Violão 2016 em Campo GrandeAulas de violão e concertos gratuitos serão oferecidas aos alunos

O concerto de abertura ocorrerá no dia 3, às 20h, no Teatro Glauce Rocha, com entrada franca.
O concerto de abertura ocorrerá no dia 3, às 20h, no Teatro Glauce Rocha, com entrada franca. (Foto: Divulgação)

Entre os dias 3 e 8 de outubro o III Festival Internacional de Violão 2016 em Campo Grande oferece concertos gratuitos, aulas para os alunos e ainda um concurso entre violonistas de diversos países e estados brasileiros. O objetivo é promover o ensino, a pesquisa e incentivar a produção artística do violão no Estado.

O Festival é uma iniciativa do Curso de Música da UFMS juntamente com a Coordenadoria de Cultura da PREAE/UFMS e com o apoio do SESC-MS. Durante os dias de festival, ocorrerão no Anfiteatro do CCHS/UFMS palestras e aulas voltadas aos acadêmicos, profissionais e diletantes com a finalidade de se especializar no conhecimento sobre o instrumento. Intercalado a isto haverá apresentação de trabalhos científicos sobre áreas especificas do violão (ensino, história, desempenho, etc) e mesas redondas. E nas noites ocorrerão os concertos gratuitos, no SESC Horto às 20h (com retirada de senha na bilheteria, uma hora antes).

Neste ano, o festival apresenta uma diversidade incomum, pois além de violonistas clássicos consagrados e de indiscutível carreira internacional, haverá concertos de instrumentos como viola caipira, ao lado de instrumentos de outros tempos (alaúde e vihuela), além da presença de solistas tocando clássicos populares argentinos, paraguaios e bolivianos.

Dentre os convidados, têm destaque o argentino Eduardo Isaac – um dos mais respeitados e experientes violonistas da atualidade, conhecido por suas interpretações de tangos e de música clássica latina americana. O norte americano Adam Levin, é um dos maiores expoentes de sua geração e detentor de importantes prêmios internacionais, além de importantes violonistas como os brasileiros Edelton Gloeden (USP), Roberto Correa (viola caipira), Michel Maciel (UFMG), o boliviano Marcos Puña, os argentinos Marcos Pablo Dalmacio, Lucio Yanel, o paraguaio Ysmael Insfran e o maestro da Orquestra Municipal de Campo Grande, Eduardo Martinelli, como solista ao violão.

Além dos convidados internacionais do festival, o concerto de abertura apresenta um programa especial: duas obras para violão solista e orquestra – fato absolutamente incomum em Campo Grande. A primeira, o concerto Diálogo de Ernst Mahle (1929) tocado pelo professor do curso de música Pieter Rahmeier acompanhado pelos músicos da Camerata de Cordas da UFMS em parceria com músicos da OSCG. A segunda obra, uma das mais importantes do repertório: o Concerto para violão e orquestra de Heitor Villa Lobos, regido pelo profº Jorge Augusto Geraldo e tendo como solista o veterano profº Marcelo Fernandes do Curso de Música da UFMS.

 O concerto de abertura ocorrerá no dia 3, às 20h, no Teatro Glauce Rocha, com entrada franca.

Veja Também
Reforma da 4ª Delegacia de Polícia está em fase de conclusão
Alerta: tipos de pisada têm influência na saúde
Janot entrega proposta sobre crimes de abuso de autoridade
Reforma da Previdência precisa ouvir o povo, diz CNBB
Projeto prevê que shoppings ofereçam espaço gratuito para artesãos de MS
Juiz recusa adiamento e miss presídio vai a júri
Funsat vai ao Coophatrabalho, Estrela do Sul e José Abrão
Classificados em processo seletivo para merendeiro são convocados
Senac abre inscrições para curso de Design de Sobrancelha
Estelionatário se passa por médico e pede dinheiro em nome do Regional
Square Banner Sicredi
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento