Menu
24 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Saúde

HU-UFGD recebe nova etapa do Projeto Paciente Seguro

Programação inclui palestras e reuniões de acompanhamento das ações já implantadas

15 Fev2017Da redação15h10

O Projeto Paciente Seguro, que está sendo implantado no Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD) desde novembro passado, está recebendo esta semana a segunda visita da equipe de monitoramento responsável pela coordenação do projeto.

Coordenado pelo Hospital Moinhos de Vento, de Porto Alegre (RS), o projeto Paciente Seguro nasceu de uma demanda do Ministério da Saúde, por intermédio do Escritório de Projetos do Programa de Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS), que permite o desenvolvimento de ações nas áreas de gestão, educação, assistência e pesquisa.

Em todo o país, 15 hospitais foram selecionados para integrar o projeto. O objetivo é proporcionar a qualificação do cuidado em estabelecimentos de saúde, com o desenvolvimento de ferramentas de gestão, educação e práticas compartilhadas voltadas à segurança do paciente.

Os temas abordados nesta etapa de acompanhamento do projeto são relativos à prevenção de quedas e à prevenção de erros relacionados à medicação. “A proposta do projeto é iniciar com pequenas ações que, depois de consolidadas, permitem a expansão para outros setores. E é o que estamos fazendo”, explica a enfermeira Graciela Bet, do Núcleo de Segurança do Paciente do Hu-UFGD.

Na avaliação da enfermeira Louise Hoffmeister, do Projeto Paciente Seguro, as ações implantadas até o momento no HU-UFGD estão de acordo com as diretrizes da equipe coordenadora. “Podemos dizer até que os resultados superaram nossa expectativa. Percebemos que as pessoas estão bastante motivadas e envolvidas, e que há grande empenho do Núcleo de Segurança do Paciente. Isso nos deixa otimistas”, comenta.

A próxima visita da equipe do Hospital Moinhos de Vento está prevista para o período entre março e abril, quando será avaliado o andamento das ações que estão sendo propostas nesta etapa, desenvolvida durante terça (14) e quarta-feira (15) sob a coordenação da enfermeira Louise Hoffmeister e da farmacêutica Daniele Cristina dos Santos.

O trabalho de acompanhamento do projeto deve ser concluído em novembro deste ano. “A proposta é que até lá a gente possa instrumentalizar a equipe para que o hospital continue utilizando a metodologia implantada”, conclui Louise.

Para saber mais sobre o Projeto Paciente Seguro, clique aqui.

Veja Também

Rotatória receberá sinalização e semáforos
Projeto de Lei assegura Libras em salas de cinema da Capital
Anvisa proibe uso e venda de lentes de contato coloridas no Brasil
Fazendeiro é multado após desmatar 10 hectares e matas do cerrado
Batalhão de Operações Especiais tem novo comandante
MT convoca aposentados e pensionistas de MS da época da divisão
Corrupção é culpada por drama de paciente na Capital
Assembleia implementa projeto de acessibilidade para Palácio Guaicurus
Saúde Caravana da Saúde nas Escolas tem até 1.000 atendimentos por dia Somente em Campo Grande, 42 mil alunos do 4º ao 7º ano serão beneficiados
Em MS CCR MSVia realiza obras na BR-163/MS Em caso de chuvas, as obras serão suspensas