Menu
28 de março de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Poder Legislativo

Grupo de Apoio e Proteção aos Animais pode ser declarado de utilidade pública

Gapa faz atendimento domiciliar com médico veterinário nas residências de famílias carentes

21 Fev2020Da redação17h35

O Grupo de Apoio e Proteção aos Animais (Gapa), com sede e atuação nas cidades de Corumbá e Ladário, pode ser declarado de utilidade pública. O Projeto de Lei 20/2020 foi apresentado na quinta-feira (20), durante sessão plenária, pelo deputado Marcio Fernandes (MDB).

De acordo com o documento, o grupo faz atendimento domiciliar com médico veterinário nas residências de famílias carentes, realizando consultas aos animais, além de tratamentos, quando necessário, bem como aplicações de medicamentos. “O Gapa recebe denúncias de maus tratos, apurando, em conjunto com a polícia ambiental, tais denúncias, instruindo e conscientizando a população acerca de maus tratos. Também são organizadores e responsáveis por campanhas de vacinação e castração, de cães e gatos, de forma gratuita”, complementou o parlamentar.

Fernandes reforçou ainda a importância das atividades do grupo. “Trata-se de uma atuação de grande relevância junto à sociedade, de utilidade pública, buscando, junto aos órgãos públicos, promover uma boa convivência entre humanos e animais”, disse. O projeto agora passará pela análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).

Veja Também

Gêmeos nascem em parto raro no Hospital Regional
Polícia Ambiental flagra armazenamento ilegal de agrotóxico
Estiagem e baixa umidade do ar devem predominar nos próximos meses
Quatro são presos por pesca predatória no rio Aquidauana
Rua 14 de Julho terá árvores de erva mate
Nota Premiada sorteia R$ 200 mil neste sábado
Sábado de muita nebulosidade
Primeiro PTT público de MS é instalado para melhoria de internet em toda cidade
STJ concede regime domiciliar a todos os presos por pensão alimentícia
Programa de televisão e empresa de telefonia terão que indenizar idosos