Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Greve Geral

Professores param dia 11 de novembro

Em Assembleia Geral da Fetems categoria delibera por no dia 11

28 Out2016Da redação10h21

Mais de 400 trabalhadores em educação de todo o Mato Grosso do Sul, delegados dos Sindicatos Municipais de base da Federação dos Trabalhadores em Educação de MS (FETEMS), votaram a favor da Greve Geral que está sendo organizada pelas Centrais Sindicais do país. A mobilização acontece no Brasil todo, no próximo dia 11 e é contra a terceirização, a Lei da Mordaça, a PEC 241, o PLP 257, o PL 4567, a reforma da Previdência, a reforma do Ensino Médio, a flexibilização do contrato de trabalho, a prevalência do negociado sobre o legislado, e em defesa da lei do piso.       

De acordo com o presidente da FETEMS, Roberto Magno Botareli Cesar, a categoria entendeu a importância da mobilização e definiu como serão as atividades. “Deliberamos pela paralisação da educação no dia 11 e vamos realizar atos nas nossas 14 regionais pela manhã e no período da tarde ocorrerão ações municipais, que podem ir desde mobilizações de ruas a audiências públicas sobre o tema da mobilização. Nossa ideia é ocupar todo o Estado com ações que visem conscientizar a população da perda de direitos de toda a classe trabalhadora”, ressaltou.

Veja Também

Índios de Dourados recebem equipamentos para a agricultura
Denatran suspende pagamento de multas com cartão de crédito ou débito
Projeto estabelece isenção de carência em planos de saúde
MPF denuncia sete por fraude em licitação no aeroporo da Capital
Procon recolhe produtos vencidos e abre processo contra rede de mercados
Pedidos de aposentadoria por telefone e internet
Trânsito CCR MSVia destaca operações pare-e-siga na BR-163/MS Em caso de chuvas, as obras serão suspensas
Nacional Mais 21 serviços no INSS poderão ser agendados pela internet Agendamento vai começar a partir de quinta-feira, 24 de maio
Taxa de inscrição no Enem deve ser paga até quarta-feira
Greve compromete escoamento da safra