Menu
20 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Funcionalismo

Governo oferece reajuste de 2,94% aos servidores

Insatisfeitos com a proposta, sindicatos avaliarão protestos em assembleias

3 Jul2017Valdelice Bonifácio, com TV MS Record18h45

O  governo de Mato Grosso do Sul ofereceu reajuste salarial de 2,94% aos servidores estaduais a partir do mês de outubro. O índice será aplicado de forma linear para todos os servidores e não será retroativo. A proposta foi divulgada nesta segunda-feira, 3 de julho, durante reunião com servidores na governadoria, no Parque dos Poderes, em Campo Grande.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e sua equipe receberam 47 representantes sindicais das categorias de servidores públicos. Os sindicalistas deixaram a reunião insatisfeitos e vão avaliar o percentual oferecido em assembleias com os servidores. Vários sindicalistas falaram em greve geral. Porém, a possibilidade precisa ser tratada nas assembleias.

O governo alega que o índice é o máximo que o Poder Executivo pode oferecer em razão das dificuldades financeiras. Inicialmente, o governo tinha anunciado reajuste zero para este ano. Porém, após semanas de pressão dos sindicatos, o governo elaborou a proposta apresentada nesta segunda-feira. O reajuste seria dado a partir de outubro deste ano - referente à remuneração do mês de setembro,  não sendo portanto, retroativo a maio, data-base das categorias.

O Estado tem cerca de 70 mil servidores públicos e o custo da folha de pagamento em valores brutos gira em torno de R$ 400 milhões, sendo R$ 240 milhões em valores líquidos.

Veja Também