Campo Grande •24 de Junho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Quinta, 1 de Junho de 2017 - 07h51Governo do Estado e parceiros realizam programação da Semana do Meio AmbienteRealização da Semana do Meio Ambiente fica a cargo da Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania

(Foto: Divulgação)

“Meio ambiente em imagens e sons – o patrimônio cultural inspirando o patrimônio histórico cultural”. Este é o tema de uma programação extensa que será realizada pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e parceiros durante a Semana do Meio Ambiente, com o objetivo de levar conscientização sobre a importância da preservação dos nossos recursos naturais.

De 5 a 10 de junho, o Museu da Imagem e do Som (MIS), a Biblioteca Isaias Paim, os parques Anhanduí e Imbirussu e a Uniderp Agrárias vão receber o público com atividades gratuitas como exposições de fotografias e ilustrações, exibição de filmes, discussões sobre a temática ambiental, oficinas de pintura e ilustração, apresentações musicais e de dança, Dia de Catalogação das Aves do Campus da Anhanguera-Uniderp Agrárias e Lançamento da placa das aves dos parques Imbirussu e Anhanduí.

Uma das organizadoras do evento, Simone Mamede, do Instituto Mamede, diz que a ideia é fazer com que as pessoas consigam vislumbrar a onipresença da imagem e do som do meio ambiente. “A gente o tempo todo encontra imagens e sons no nosso cotidiano. O objetivo é perceber o ensinamento e fazer uma reflexão dessas relações, da conectividade que existe entre ciência, cultura, história. Tudo está interligado”.

Para Simone, é importante, além de transformar os olhares para a questão ambiental usando a imagem e o som, acessibilizar o trabalho científico para a comunidade. “Buscamos trazer os resultados de pesquisas de mestrado e doutorado da comunidade científica para as pessoas, pois desenvolvemos pesquisas científicas para melhorar as relações humanas com a natureza. A importância da divulgação científica está em entender os processos sócio-ambientais, fazer parte enquanto cidadão –cientista, as pessoas podem se empoderar do conhecimento e participar do processo por meio de interferência nas políticas públicas locais, participando dos processos de produção”.

A realização da Semana do Meio Ambiente fica a cargo da Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania (SECC), Fundação de Cultura de MS (FCMS), Instituto Mamede e Anhanguera-Uniderp, tendo como parceiros a WWF, WCS, Instituto Arara Azul, Instituto Quinta do Sol, Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), Instituo Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems), Turismo-Uems, Projeto Tatu-Canastra, Fundação Lowtons de Educação e Cultura (Funlec), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Secretaria de Estado de Educação (SED) e Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Planurb).

Veja Também
Audiência debate segurança nos cemitérios públicos da Capital
Projeto de lei permite que bancos funcionem aos sábados
Restrição do uso da internet aumenta a qualidade da rede
Saiba como prevenir e tratar a artrite
Ministro nega retaliação da Noruega e diz que desmatamento voltará a cair
Avião monomotor cai sobre creche na Flórida e mata uma pessoa
Médicos rejeitaram reajustes acima da inflação, diz prefeitura
MPT fará mediação entre trabalhadores e Santa Casa
Profissionais de Educação Física aprovados em concurso são convocados
Deslizamento de terra deixa pelo menos 120 desaparecidos na China
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento