Menu
18 de dezembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega Banner Pátio Central - Natal
Transparência

Sistema de comunicação eletrônica

Desburocratização une prefeituras e Governo do estado

12 Mar2018Da redação08h37

Fruto de uma parceria firmada entre a SAD (Secretaria de Administração e Desburocratização) e a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) a partir desta segunda-feira (12) os 79 municípios de Mato Grosso do Sul passarão a utilizar o Sistema de Comunicação Eletrônica – eDOCMS integrado com o Governo do Estado. Cerca de 80 servidores designados pelas prefeituras passaram por treinamento para conhecer a ferramenta que fará a comunicação direta entre prefeituras e Governo. Para eles o eDOC vai encurtar o tempo do trâmite de documentos.

De Cassilândia, Edislene Valentin Veron destacou que a implantação do eDOC será um grande avanço. “O benefício maior será a agilidade, porque, às vezes, o trâmite até chegar aqui [em Campo Grande], acontece de perder o prazo. Acredito que, agora, será mais fácil de trabalhar; vai ter uma agilidade maior” aponta a servidora do município que fica a 434 km de distância da Capital.

Apesar de Nova Alvorada do  Sul ser bem mais perto de Campo Grande, a servidora Raquel Aparecida Fontana (foto de capa), segue a mesma linha e aponta os benefícios que o eDOC irá proporcionar ao trabalho desempenhado por ela na Prefeitura. “Vai trazer muitos benefícios, porque vai agilizar o processo, facilitar. E pelo que foi explicado pra nós, o sistema funciona no mesmo formato de uma caixa de e-mail. Então, será muito simples e prático de ser utilizado. Além de agilizar o processo da comunicação das prefeituras com o Estado” ressaltou.

Representando Pedro Gomes, município a 307 km da Capital, Evanilson Barbosa da Silva acredita que a mudança será benéfica para todos os municípios que aderirem. “O benefício maior será a agilidade no processo de envio e recebimento de ofícios. Porque os Correios, como tem tido bastante greve, demora muito para entregar as correspondências, muitas vezes acaba perdendo o prazo e os documentos chegam atrasados. Agora com o eDOC fica mais viável para os municípios se comunicarem com o Estado” enumerou.

Durante o treinamento, os representantes dos municípios puderam conhecer toda parte técnica do sistema, como primeiro acesso, elaboração de ofícios, encaminhamento de anexos, níveis de acesso, acompanhamento do documento enviado e assinatura digital.

Gestor do eDOCMS, Antonio Muller apontou o grande avanço tecnológico que o sistema trouxe para as instituições estaduais. “O sistema é totalmente web, e além da agilidade e sustentabilidade, não há preocupação com o armazenamento dos documentos, pois eles podem ser acessados de qualquer computador com internet” pontuou.

Desenvolvido por servidores públicos, e em uso desde 2015 pela administração estadual, o eDOCMS está dentro das diretrizes de desburocratização no serviço público, e desde sua implantação vem modernizando o método de envio e recebimento de documentos oficiais, dando celeridade ao processo e gerando economia aos cofres estaduais.

Veja Também

CNJ aprova novo auxílio-moradia de até R$ 4.377,73 para magistrados
MPF obriga DNIT a adotar medidas de proteção à fauna pantaneira
Estudo indica que zika pode provocar infertilidade em homens
Inep: quase 300 instituições têm 'nota baixa' de qualidade
Ex-sargento da PM sofre nova condenação
Asilo de Battisti teve motivação político-partidária, diz Sérgio Moro
Resolução define plano de trabalho para agentes de saúde
Confira a escala dos postos de saúde nesta terça-feira
Ato incineratório Defron vai queimar 6.540 kg de drogas Material que será incinerado é produto de apreensões feitas durante o ano
Planalto Posse de Bolsonaro terá de 250 a 500 mil pessoas Cerimonial da presidência espera multidão em Brasília no dia 1º de janeiro