Menu
12 de dezembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Contaminação

Infectologista alerta para risco da Zika

Situação pode estar mais grave do que em anos anteriores

15 Nov2019Da redação13h04

Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o Zika Vírus coloca em risco a vida da pessoa infectada. Pode trazer complicações neurológicas, como encefalites. Um dos problemas mais graves relacionados ao vírus é a microcefalia em bebês. Quem explica é o médico sanitarista da Fiocruz, Cláudio Maierovitch: 

“Se observou que gestantes que tiveram infecção pelo vírus Zika, em algumas ocasiões, transmitiram este vírus para o bebê, para o feto. Isso causou más-formações, particularmente o nascimento com um tamanho de cabeça pequena, que é chamado de microcefalia, em que o cérebro não se desenvolveu adequadamente. Uma situação muito grave", aponta. 

Os casos de microcefalia no Brasil reforçam ainda mais a importância dos cuidados para eliminação do mosquito Aedes aegypti. O Ministério da Saúde recomenda às gestantes a utilização de telas em janelas e portas, uso de roupas compridas – calças e blusas – e de repelentes nas áreas expostas do corpo. 

A melhor forma de prevenção ao zika é evitar a proliferação do mosquito. Elimine água armazenada dentro de casa e nos quintais. Ralos, vasos de plantas, lagões de água, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo recipientes pequenos, como tampas de garrafas, podem virar criadouros do mosquito. Para mais informações, acesse: saude.gov.br/combateaedes.

 

Veja Também

Justiça determina que PRF volte a usar radares móveis em rodovias
Deve chover em grande parte de MS
Embalagem de margarina terá de apresentar percentual de gordura
Pacientes com doença genética rara terão tratamento específico no SUS
Procon realizará plantão fiscal em terminal rodoviário na capital
INSS cria programa para identificar benefícios irregulares
Escolas terão que ministrar treinamentos para lidar com emergências
Hospital Regional de Ponta Porã reinaugura brinquedoteca
Ambulância com quatro pessoas capota na BR-262
Programa Fortalece Turismo encerra suas atividades amanhã dia 12