Menu
28 de fevereiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Gastronomia

Festival Gastronômico Comitiva dos Chefs

Em seu primeiro dia oferece experiência única em sabores e cultura regional

17 Ago2019Laureano Secundo09h36

O Festival Gastronômico Comitiva dos Chefs continua neste sábado e domingo com mais aulas show, exibição de filmes, shows musicais, corredor gastronômico, atividades para crianças além das finais dos concursos de confeiteiro, chef e churrasqueiro amador, sempre das 12h às 22h, na Plataforma Cultural, localizada na Avenida Calógeras, 3015, Centro. Vale lembrar que toda programação do festival é gratuita e os pratos vendidos no corredor gastronômico custam entre R$ 10 e R$ 25.

Esta é a 2ª edição do Festival Gastronômico Comitiva dos Chefs. Este ano o projeto foi contemplado pelo Fundo Municipal de Investimentos Culturais (FMIC) da Prefeitura de Campo Grande e Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SECTUR).

No primeiro dia do festival, as duas aulas show fizeram jus ao nome e encantaram os participantes com sabores e a troca de experiência com chefs renomados. Quem estreou a Cozinha Show foi o chef paraibano, Cumpade João, vencedor do Prêmio Nacional Dólmã, que apresentou o prato “Beguiri”, muito comum na Bahia onde é oferecido a orixás. Em seguida, foi a vez das chefs Helen Braz, Giselle Valle e Thaís Camiran, que ensinaram o preparo do prato “Da Roça ao Prato, suspirando no Milharal.”

Para Carlos Henrique dos Anjos, aluno do curso de cozinheiro do Senac, as aulas foram enriquecedoras. “Foi realmente show, conhecer outra cultura, e ver o cuidado com a apresentação do prato, foi fantástico.” Outra novidade do Festival Comitiva dos Chefs foi a Vivência Sensorial Às Cegas, produzida e conduzida pelos chefs Dedê Cesco e Fábio Cunha. Durante experiência, os participantes provaram cinco pratos de olhos vendados.

 

 

 

 

Veja Também