Menu
15 de outubro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Evento

Fórum sobre segurança reúne representantes da ONU na Capital

Para combater a criminalidade na fronteira, são realizadas operações integradas entre as forças de segurança

15 Ago2019Da redação18h31

Autoridades da área de segurança pública do Paraguai, Portugal, da ONU (Organização das Nações Unidades) e dos governos federal e estadual estarão reunidos no próximo dia 22, na Capital, no Fórum Permanente de Segurança na Fronteira. O evento, organizado pela Comissão de Segurança Pública da OAB/MS e Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), tem o apoio do Governo do Estado.

A presidente da Comissão de Segurança Pública da OAB/MS, Cláudia Paniago, explica que o objetivo é discutir ações preventivas e repressivas para o combate à criminalidade na região de fronteira de Mato Grosso do Sul. “É preciso que a prevenção e a repressão caminhem juntos”, afirma.

Destaca ainda, que o Fórum é uma iniciativa da sociedade civil organizada que tem a finalidade de contribuir na elaboração de propostas para a segurança pública na fronteira com a visão de ação de Estado e não de governo.

Segundo ela, nesta segunda edição do Fórum as discussões serão voltadas principalmente às áreas de tecnologia, inteligência e desenvolvimento, importantes no combate à criminalidade. Por isso, durante o evento estarão sendo apresentadas experiências de outros países e estados brasileiros. O inspetor Carlos Matos Moreira, do Serviço de Estrangeiros e Fronteira de Portugal, vai falar sobre a experiência e resultados obtidos com o sistema de segurança e controle de fronteiras da União Europeia.

O ministro da Secretaria Antidrogas do Paraguai, Arnaldo Giussio, abordará o tema “Cooperação Internacional na Fronteira”. A experiência do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública, implantado no Ceará para atender a região Nordeste, será tratado pelo diretor de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas, Marco Aurélio Pereira de Moura, e pelo coordenador do Centro Integrado de Inteligência e Segurança Pública – Regional Nordeste, Lucas Gonçalves Santa Rita.

Já o consultor da ONU, general Carlos Alberto dos Santos Cruz, dará palestra sobreo assunto “Fronteira do Futuro: Estratégias, metas e ações institucionais”.

O Fórum Permanente de Segurança na Fronteira será realizado no auditório da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), a partir das 7h30 do dia 22 deste mês. Para fazer a inscrição, acesse aqui.

 

Veja Também

Município ofereceu ajuda antes de retirar moradores de rua do pontilhão
Tom inovador marca evento pioneiro de moda na Capital
Tribunal de Justiça julga pedido de habeas corpus para presos da Omertà
Morador do bairro Coophasul ganha carro no 3º sorteio do 'IPTU Dá Prêmios'
PMA fecha abatedouros clandestinos
Resgate Aéreo atende criança no Pantanal
Tecnologia Qual a Importância de um bom Gerenciador de Wi-Fi para o hotel? Uma internet estável é importante para o usuário que precisa se conectar sem preocupações, e também para a rede hoteleira
Detento escapa de escolta mas é recapturado dentro de bar
Procon flagra irregularidades e autua mercearia no Coophatrabalho
Publicado decreto que regulamenta o trabalho temporário