Campo Grande •27 de Março de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Aguas - Campanha Março

Da Agência Brasil | Quinta, 12 de Janeiro de 2017 - 07h53Feriados prolongados deverão impulsionar a economia, diz Ministério do TurismoProjeção divulgada hoje considerou um acréscimo de 22 dias de folga, quando 10,5 milhões de viagens deverão ser feitas

Expectativa é de que as viagens nos fins de semana prolongados injetem R$ 21 bilhões a mais na economia em 2017
Expectativa é de que as viagens nos fins de semana prolongados injetem R$ 21 bilhões a mais na economia em 2017 (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

Os dias de folga poderão impulsionar a economia brasileira, segundo estudo do Ministério do Turismo. A pasta espera que as viagens nos fins de semana prolongados por feriados que caem na segunda, terça, quinta ou sexta-feira injetem R$ 21 bilhões a mais na economia em 2017. A projeção divulgada hoje (12) considerou um acréscimo de 22 dias de folga, quando 10,5 milhões de viagens deverão ser feitas.

Na contramão de outros setores que projetam prejuízos com os feriados, como o comércio e a indústria, o Ministério do Turismo acredita que as viagens e o consumo nos dias de folga gerarão renda e emprego. O turismo, de acordo com o Conselho Empresarial de Hospitalidade e Turismo da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), é grande impulsionador de mais 52 áreas, direta ou indiretamente.

O feriado que deve gerar maior impacto é o Dia de Nossa Senhora Aparecida, em 12 de outubro, quando 1,94 milhão de viagens movimentarão R$ 3,9 bilhões na economia.

O levantamento foi feito pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Getulio Vargas, levando em consideração os feriados de 21 de abril (Tiradentes, sexta-feira), 1º de maio (Dia do Trabalho, segunda-feira), 15 de junho (Corpus Christi, quinta-feira), 7 de setembro (Independência do Brasil, quinta-feira), 12 de outubro (Dia de Nossa Senhora Aparecida, quinta-feira) e 2 de novembro (Finados, quinta-feira). O Carnaval, a Semana Santa, o Natal e Réveillon foram desconsiderados, porque via de regra geram fins de semana prolongados e a ideia da projeção foi levantar qual o valor a ser acrescentado na movimentação econômica nacional em 2017.

Veja Também
Prefeito atendimento da UPA Vila Almeirada neste domingo
Domingo, 26 de Março de 2017 - 16h20Trump culpa radicais republicanos por fracasso de reforma da saúde Proposta dos republicanos também retirava recursos da Planned Parenthood
Domingo, 26 de Março de 2017 - 15h43Indígenas venezuelanos em Manaus voltarão a seu país de origem em abril Ônibus vão levar os indígenas venezuelanos até o município roraimaense de Pacaraima
Rede Solidária já atende 420 crianças e qualifica 185 pessoas no Jardim Noroeste em 30 dias
Domingo, 26 de Março de 2017 - 14h59Rede de Saberes promove I Seminário de Mulheres Indígenas em MS Evento é aberto para mulheres indígenas e não indígenas
Domingo, 26 de Março de 2017 - 14h30Mostra apresenta bordados de artesãs de Minas Gerais Seedif dará início a uma caravana para atender artesãos de regiões mineiras
Domingo, 26 de Março de 2017 - 14h06Prazo para declaração de equídeos termina no dia 31 de março atualização do cadastro de animais é importante também para o desenvolvimento de estratégias sanitárias
Domingo, 26 de Março de 2017 - 13h47Curso gratuito de documentário vai produzir obras para comemorar os 40 anos de MS Teoria será apresentada a potencialidade dos chamados “materiais de arquivo”
Uems e UFGD abrem exposição fotográfica
Domingo, 26 de Março de 2017 - 11h38Ministra britânica pede acesso ao Whatsapp para combater terrorismo Ministra considerou como "inaceitável" serviço de mensagem que ofereça um sistema criptografado
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento