Menu
21 de janeiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Campo Grande

“Entreguei nas mãos de Deus”, disse mãe de bebê que nasceu com quase 5kg

Evilyn teve sangramento no sexto mês de gestação devido a insuficiência no colo do útero, infecção urinária e anemia

14 Jan2020Da Redação17h20
(Foto: Divulgação/ Facebook)
  • Carlos Gael nasceu no último domingo (12), com 4.495 kg e 48 centímetros
  • (Foto: Divulgação/ Facebook)
  • (Foto: Divulgação/ Facebook)

É difícil resistir a vontade de apertar as bochechas “gordinhas” e rosadas de Carlos Gael. O bebê nasceu no último domingo (12), com 4.495 kg e 48 centímetros, na Maternidade Cândido Mariano, em Campo Grande e chamou a atenção nas redes sociais da mamãe, a esteticista Evilyn Cavalcante, de 29 anos.

Na primeira foto do recém-nascido, Evilyn apresentou o filho ao mundo como “meu fofão” e não faltaram comentários de amigos concordando com ela. “Menina do Céu! Como ele é grande”, “Lindo, um bebêzão mesmo”, “ Enorme”.

Mãe e filho já receberam alta médica e Carlos Gael foi atração na maternidade. Segundo Evilyn, que tem uma filha de oito anos, ela e o esposo não estavam planejando mais uma gravidez. “Mas a partir do momento que soubemos ele já foi muito amado”, contou a esteticista.

Não foi uma gestação fácil, de acordo com Evilyn ela teve complicações no parto da primeira filha, o útero saiu junto com a placenta e ela ficou em estado grave no hospital. Na segunda gestação, teve sangramento no sexto mês devido a insuficiência no colo do útero, infeção urinária e anemia. “Com sete meses estava com dois centímetros de dilatação. Comecei a trabalhar apenas com drenagem e tratamentos faciais por causa do risco, mas logo a médica mandou eu parar vez”.

O parto de Carlos Gael foi cesariana e tudo correu bem. “No momento que vi aquele positivo no teste, eu já lembrei do meu primeiro parto e foi o que eu mais temia. Tanto que quando entrei no centro cirúrgico no domingo comecei a chorar, mas já tinha entregado nas mãos de Deus. A médica conhecia meu caso, ela que havia me operado da outra vez. Então, eu apenas confiei”.

E o resultado foi um bebê “gigante” e saudável. A mãe, diz que não esperava. “No último ultrassom que fiz, no dia 3 de janeiro, ele estava com 3,539kg”.

 

 

Veja Também

Carnaval 2020 Em Campo Grande, Azul vai operar 18 voos extras durante o carnaval Companhia realizará ligações inéditas da capital sul-mato-grossense para Londrina, Maringá, Presidente Prudente e São José do...
Prefeitura realiza 1ª edição do
Inseticida para combate a dengue chega a MS
Cinco municípios recebem atendimento com o Cassems Itinerante nesta semana
Procon Municipal fiscaliza atendimento de pessoas com Transtorno Espectro Autista
Tarifa volta a custar R$ 4,10
Placa Mercosul passa a valer dia 3 de fevereiro
Homem é esfaqueado no tórax e rosto durante briga com familiares
Brasileiro que fugiu de presídio do Paraguai é recapturado
Irmãs siamesas morrem após 17 dias de nascimento