Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Crime ambiental

Empresário paulista pesca em local proibido e é multado

Turista paulista pescava em um local denominado Corredeira do Moom, onde as corredeiras e cachoeiras são locais interditados para a pesca

9 Set2017Da redação09h34

Em trabalhos de fiscalização no rio Miranda no município, durante a operação Independência, Policiais Militares Ambientais de Jardim autuaram hoje (8) pela manhã, um turista paulista por pesca predatória.

O infrator, um empresário de 39 anos, residente em Fernandóplis (SP) pescava em um local denominado Corredeira do Moom. As corredeiras e cachoeiras são locais interditados para a pesca, em 200 metros a montante e a jusante. É crime a pesca nesses locais.

Foi apreendido um molinete com vara. O infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 700,00. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

Veja Também

Rodovia que 'esfarelou' fica pronta em agosto
Simted suspende greve que iniciou na sexta-feira, dia 18
Dourados receberá Caravana da Saúde Indígena em junho
Campanha de Vacinação já imunizou 129 mil pessoas, diz prefeitura
Projeto estabelece o rastreamento precoce de doenças
Programa Universitário Cidadão tem início em Três Lagoas
Defesa Civil do Estado avalia impactos da cheia do Pantanal
Câmara conclui votação da regulamentação da profissão de físico
EUA acusam aliado de Maduro de narcotráfico e impõem sanções
Projeto endurece pena para homicídio contra população LGBT