Menu
22 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Meio Ambiente

Dono empresa de guincho é multado por contaminação do solo

Foram encontrados diversos tambores com restos de combustíveis

16 Set2016Mariel Coelho, em colaboração ao Diário Digital15h20
(Foto: Divulgação/Polícia Militar)
  • O proprietário da empresa foi multado no valor de R$ 5.000,00.
  • (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Na quinta-feira, dia 15, a Policia Militar Ambiental de Três Lagoas, apreendeu o proprietário de uma empresa de guinchos, por derramamento de combustível causando poluição do solo. No local foram verificados diversos tambores com restos de combustíveis (material perigoso) e muito material derramado, contaminando o solo, com riscos de contaminação do lençol freático, bem como o produto perigoso em tambores na garagem e oficina dos caminhões, sem autorização ambiental.

O proprietário da empresa foi multado no valor de R$ 5.000,00. Ele poderá responder por crime ambiental  e poluição. A pena para este crime é de um a quatro anos de detenção.

O infrator, residente em Três Lagoas foi notificado a realizar a remoção do material contaminante e a recuperação da área degradada.

Veja Também