Menu
22 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Trabalho

Deputada defende piso salarial para farmacêuticos de MS

Categoria reivindica o valor de R$ 3.748 por 44 horas trabalhadas

19 Mar2017Da redação11h00

A deputada estadual Mara Caseiro (PSDB) defende um piso salarial para farmacêuticos de MS. A categoria reivindica o valor de R$ 3.748 por 44 horas trabalhadas; R$ 2.811 para jornada de 30 horas semanais, R$ 1874 para 20 horas por semana e R$ 937 por 12 horas semanais trabalhadas.

Durante a audiência pública na Assembleia Legislativa, foram feitos ajustes à proposta, elaborada por Mara Caseiro em parceria com os deputados Paulo Siufi (PMDB) e Rinaldo Modesto (PSDB), integrantes da Comissão de Saúde da Casa.

"Nossa intenção é valorizar o profissional farmacêutico, uma vez que os salários estão em discrepância se houver comparação entre estados e entre os próprios municípios do Estado. Isso sem contar com os farmacêuticos que se capacitam, fazem cursos e pós graduação, e que também precisam ser valorizados em sua remuneração", defendeu a parlamentar.

Com as sugestões dos profissionais acatadas durante a audiência pública desta tarde, a proposta será reestruturada e levada para discussão com o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), uma vez que o projeto deve partir do poder Executivo.

Veja Também