Menu
28 de março de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Saúde

Coronavírus será um dos temas do Encontro Estadual de Vigilância em Saúde

Evento em parceria com o Ministério da Saúde vai difundir ações preventivas de doença infecto-contagiosas

16 Fev2020Da redação10h35

Cerca de 2,2 mil pessoas, entre lideranças políticas como prefeitos, vereadores e profissionais da saúde participam, nos próximos dias 17 e 18 de fevereiro do Encontro Estadual de Vigilância em Saúde. O evento acontecerá no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, e contará com a presença do secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, e do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, com abertura programada para as 8h.

O Encontro está sendo organizado pela Secretaria de Estado de Saúde, em parceria com o Ministério da Saúde. O objetivo é difundir conhecimentos e informações para a prevenção e o manejo das arboviroses e demais doenças infecto-contagiosas, como coronavírus, dengue, zika, chikungunya, febre amarela, tuberculose, hanseníase, sarampo, influenza, raiva, leishmaniose, entre outros. 

Haverá a participação de representantes dos 79 municípios do Estado, sendo 2.200 agentes de endemias/agentes comunitários de saúde, profissionais da saúde que atuam nas salas de vacina, coordenadores de atenção primária e vigilância em saúde, técnicos de zoonoses e outros servidores municipais e estaduais.

 Projeto Wolbachia -  No dia 17, será assinado o Termo de Cooperação entre Ministério da Saúde, Secretaria de Estado de Saúde e Secretaria de Saúde de Campo Grande no Projeto Wolbachia, que terá sua biofábrica instalada na sede do LACEN (Laboratório Central) estadual. Haverá ainda a assinatura do Termo de Adesão do município de Campo Grande ao projeto estadual e-Visita Endemias, com distribuição (simbólica) de cinco aparelhos celulares para o monitoramento dos criadouros de mosquitos, sendo que, no total, Campo Grande receberá 600 aparelhos.

Às 10h00, também no Centro de Convenções, haverá a entrega de 52 Monitores Multiparamétricos e 28 Desfibriladores/Cardioversores por parte do Ministério da Saúde à Secretaria Estadual de Saúde, os quais, na sequência, serão entregues aos municípios. O Estado também vai entregar outros equipamentos, como caixas cirúrgicas, beneficiando 52 cidades.

Veja Também