Menu
25 de setembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Victor Center
Saúde

Consumo de doces é alto entre brasileiros, aponta Ministério da Saúde

Pelo menos 18% da população consome doces diariamente durante toda semana

18 Abr2015Da redação10h26

 

Uma pesquisa do Ministério da Saúde aponta que 18% da população brasileira consome alimento doce como sorvetes, bolos e chocolates, durante cinco ou mais dias da semana. Segundo o  levantamento, os alimentos doces estão mais presentes nas refeições das mulheres.

De acordo com a diretora de Vigilância e Promoção da Saúde do Ministério da Saúde, Deborah Malta, pessoas que consomem alimentos doces em excesso podem ter complicações de saúde. “O açúcar é extremamente calórico e consumido em grandes quantidades diariamente pode favorecer a presença de excesso de peso e de obesidade. A orientação seria comer com moderação e também que as porções sejam menores.”

Para saciar a vontade de comer doce, a diretora recomenda a substituição por alimentos naturais como frutas. “O ideal é substituir em alguns dias da semana a sobremesa por frutas e alimentos in natura, buscando equilibrar o prazer de comer alguma coisa doce e saborosa, mas também usando a nossa diversidade regional e o que a natureza nos proporciona de uma forma tão rica.” 

Atualmente, pesquisas divulgadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é enfática ao sinalizar o açúcar como o vilão da saúde.  A principal preocupação do órgão é a contribuição do açúcar para o excesso de peso, a obesidade e a mortalidade por doenças não transmissíveis (como cardiovasculares e diabetes). Somente em 2012, 38 milhões de pessoas morreram por complicações desse tipo no mundo.

Para incentivar o consumo de alimentos saudáveis, o Ministério da Saúde publicou o Guia Alimentar para a População Brasileira e o livro Alimentos Regionais Brasileiros. Essas informações estão disponíveis na página do Ministério da Saúde. O endereço é: www.saude.gov.br

Veja Também