Menu
15 de janeiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Educação

Conferência Infantojuvenil pelo Meio Ambiente mobiliza escolas

Primeira etapa da conferência, nas escolas, deve ser realizada até 31 de março

14 Fev2018Da redação13h46

 A Secretaria de Estado de Educação (SED) convida as escolas da Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul para a V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA), que este ano tem como tema Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas. A primeira etapa da conferência, nas escolas, deve ser realizada até 31 de março.

A Conferência é um processo que mobiliza escolas brasileiras, públicas e privadas, urbanas e rurais, assim como escolas de comunidades indígenas, quilombolas e de assentamento rural, que possuem pelo menos uma turma do ensino fundamental, anos finais, cadastradas no Censo Escolar de 2016, e é dividida em três etapas: conferência nas escolas; conferência estadual, em Campo Grande; e conferência nacional, realizada em Brasília.

As últimas conferências Infantojuvenil pelo meio ambiente foram pré-requisitos para que as escolas públicas pudessem aderir ao PDDE Escola Sustentável, programa que visa à destinação de recursos financeiros para promover ações voltadas à melhoria da qualidade de ensino e apoio na adoção de critérios de sustentabilidade socioambiental, considerando o currículo, a gestão e o espaço físico, de forma a tornarem-se espaços educadores sustentáveis.

As orientações e materiais pedagógicos da Conferência estão disponíveis neste site.

Veja Também

Banco deve indenizar cliente por cheques extraviados em depósito
Projeto prevê que escolas adotem medidas contra erotização precoce
Motorista morre e cinco ficam feridos em colisão
Cotolengo é beneficiado com Troco Solidário do Fort Atacadista
Motorista envolvido em contrabando perderá habilitação
MP de Goiás apresenta segunda denúncia contra João de Deus
Porche é flagrado a 113 km/h nos Altos da Avenida Afonso Pena
Enquete: 73,5% preferem ambulância a carnaval
Sistemas do Detran-MS estão funcionando normalmente
Veja a íntegra do decreto que flexibiliza posse de armas de fogo