Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Em MS

Colheita chega a 10% das lavouras de soja do estado, segundo Aprosoja/MS

Dados foram divulgados nesta quarta-feira

15 Fev2017Da redação10h37

A colheita da safra 2016/2017 de soja chegou a 10,6% das lavouras plantadas em Mato Grosso do Sul, de acordo com o Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga MS), ferramenta desenvolvida pela Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS). Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (15) na Circular Técnica n° 196, disponibilizada na íntegra por meio de cadastro no link: http://www.sigaweb.org/ms/sistema/.

As chuvas das últimas semanas continuam interferindo na evolução da colheita em alguns municípios, tanto para os produtores que já iniciaram os trabalhos e precisaram interromper as atividades, quanto para os que ainda aguardam a umidade adequada para iniciar a colheita. No entanto, até o dia 10 de fevereiro não foram identificadas perdas.

Regiões

Todos os municípios acompanhados pelo Siga MS já iniciaram a colheita, entretanto, a região sul apresenta porcentagem média de área colhida mais avançada, com 13,2%. Entre esses municípios, três já atingiram 30% de área colhida: Douradina, Fátima do Sul e Vicentina.

A região norte tem 8,2% da safra colhida, sendo Chapadão do Sul e Costa Rica as cidades que apresentam colheita mais avançada. Em seguida está a região centro, com 4,5% de sua área colhida.

As chuvas contribuem para desaceleração no procedimento de retirada dos grãos do campo no estado. Por isso, a porcentagem de área colhida nesta safra 2016/2017 é 15,6% inferior em relação ao mesmo período da safra 2015/2016.

Na última semana, a evolução da colheita foi de aproximadamente 5,2% em Mato Grosso do Sul, ou seja, cerca de 129.600 hectares foram colhidos entre os dias 3 e 10 de fevereiro.

Projeções finais

Em comparação aos dados da safra anterior (2015/2016) a Aprosoja/MS estima até o momento aumento da área plantada de aproximadamente 2,4%, passando de 2,46 milhões de hectares para 2,52 milhões de hectares. Além disso, projeta acréscimo de 2,4% em relação à produção do grão (de 7,601 milhões de toneladas na safra 2015/2016 para 7,787 milhões de toneladas na safra 2016/2017) e manutenção na produtividade, com 51,5 sc/ha.

Veja Também

Rodovia que 'esfarelou' fica pronta em agosto
Simted suspende greve que iniciou na sexta-feira, dia 18
Dourados receberá Caravana da Saúde Indígena em junho
Campanha de Vacinação já imunizou 129 mil pessoas, diz prefeitura
Projeto estabelece o rastreamento precoce de doenças
Programa Universitário Cidadão tem início em Três Lagoas
Defesa Civil do Estado avalia impactos da cheia do Pantanal
Câmara conclui votação da regulamentação da profissão de físico
EUA acusam aliado de Maduro de narcotráfico e impõem sanções
Projeto endurece pena para homicídio contra população LGBT