Menu
24 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Economia

Codesul cancela reunião de governadores que seria na segunda em SC

Um dos assuntos que seria tratado no encontro de segunda-feira é a compra direta do gás boliviano

20 Mai2017Da redação12h55

O secretário executivo do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul (Codesul), Antonio Carlos de Pauli Bettega, comunicou no final da tarde desta sexta-feira (19.5) o cancelamento da reunião dos governadores que integram o grupo, marcada para segunda-feira (22.5) em Florianópolis (SC). Uma nova data será marcada. Um dos assuntos que seria tratado no encontro de segunda-feira é a compra direta do gás boliviano.

Com a queda na arrecadação do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) por conta da redução da importação do gás natural da Bolívia pelo Gasbol, o governador Reinaldo Azambuja vem trabalhando para encontrar uma solução para evitar que Mato Grosso do Sul continue tendo prejuízos.

Faltando dois anos para encerrar o contrato com a Bolívia para a importação do produto pela Petrobras, Reinaldo Azambuja iniciou entendimentos para a importação direta do gás boliviano, e ele pretendia discutir esse assunto com os governadores de Mato Grosso, Pedro Taques, do Paraná, Beto Richa, de Santa Catarina, Raimundo Colombo, e do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, no encontro do Codesul em Florianópolis.

No início deste mês, Reinaldo Azambuja e Pedro Taques estiveram reunidos com o presidente da Bolívia, Evo Morales, para discutir essa questão. No encontro em Santa Cruz de La Sierra, que contou com a participação também de ministros bolivianos, foi manifestado também o interesse de se importar ureia da Bolívia e também de se firmar acordo bilateral para intercâmbio técnico e científico para desenvolver projetos agrícolas na Bolívia.

Veja Também