Campo Grande •17 de Janeiro de 2018  • Ano 7
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner águas guariroba - campanha dezembro

Da redação | Sexta, 12 de Janeiro de 2018 - 07h37MS receberá alerta de desastres naturaisMensagens chegaram aos celurares cadastrados na Anatel a partir de 15/01

População poderá receber aertas de desastres naturais
População poderá receber aertas de desastres naturais (Foto: Arquivo Diário Digital)

A partir da próxima segunda-feira (15/01), os moradores dos estados de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás poderão se cadastrar para receber mensagens de alerta de desastres naturais por SMS. O sistema foi desenvolvido pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em parceria com os órgãos de Defesa Civil e as operadoras de telefonia móvel.

Até março de 2018, todos os brasileiros vão receber mensagens de alerta sobre tempestades, vendavais e outros fenômenos meteorológicos. O serviço não tem nenhum custo para o cidadão e nem para o governo. Cerca de 20 países contam com serviços semelhantes, como Canadá, Chile, Bélgica, Filipinas e Japão.

No total 1.942.528 assinantes já utilizam o serviço, já foram enviados 1.775 alertas e  enviadas 24.851.355 mensagens de texto nos estados participantes (Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina, São Paulo, Espírito Santo e  Rio Grande do Sul).

A convocação para que os moradores participem do programa será feita pela seguinte mensagem que será enviada aos celulares da população: "Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse".

Ao fim do cadastro, o usuário é informado que o celular está apto a receber alertas de  inundações, alagamentos, temporais, perigo de deslizamentos de terra, entre outros, e recomendações da Defesa Civil. Se o usuário desejar, é possível cancelar o recebimento dos alertas por mensagem de celular.

Os alertas são enviados pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) e pelas Defesas Civis dos estados. Também será realizada campanha informativa nos meios de comunicação. O acompanhamento executivo do serviço de alertas por SMS é feito pela ABR Telecom.

O projeto piloto começou em fevereiro deste ano com cerca de 500 mil moradores de  20 municípios de Santa Catarina. Outras cinco cidades do Paraná, com cerca de 100 mil moradores, passaram a contar com o sistema em junho. E desde outubro, todos os moradores dos estados do Paraná e de Santa Catarina podem cadastrar as linhas móveis para receber mensagens de alerta de desastres naturais enviadas por SMS para celulares.

O serviço foi implantado no Estado São Paulo no dia 16 de novembro. Em 18 de dezembro o serviço começou a ser oferecido no Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Em 19 de fevereiro, será a vez do Distrito Federal, Mato Grosso e Tocantins.  Os demais estados -Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará, Amapá, Acre, Amazonas, Rondônia e Roraima -  serão inseridos no sistema em 19 de março.

Acesse as tabelas com os números do serviço de alertas de desastres naturais por estado.

Veja Também
Anvisa determina apreensão de lote falsificado de Botox
Odilon será governador e Dias presidente, afirma vidente
Rua 14 de Julho será shopping a céu aberto, diz prefeitura
Governadora em exercício retoma visita às regiões atingidas pelas chuvas
Tecnologia e sustentabilidade abre Showtec 2018
Pesquisadores de MS estudam bactéria que compromete o desenvolvimento de peixes
UEMS lança editais para Ações a serem desenvolvidas em 2018
Quarta, 17 de Janeiro de 2018 - 08h31Resultado do Enem 2017 deve sair nesta quinta Nota só pode ser consultada individualmente
Quarta, 17 de Janeiro de 2018 - 07h17Previsão de mais chuva nesta quarta-feira Apesar da chuva os termômetros devem permanecer em elevação
Pesquisadores de MS estudam bactéria que compromete produção de peixes
Square notícias UCI 2018
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2018 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento