Menu
21 de agosto de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Expo MS
Em MS

Chuva provoca novo estrago e rodovia MS-338 é completamente interditada

Galeria ainda existia e não havia sido rompida não suportou o volume de água das chuvas intensas e rompeu totalmente

10 Jan2018Da redação10h45

Após ter um de seus trechos liberado parcialmente na última quinta-feira (4) para a passagem de todos os tipos de veículos, em meia pista, a rodovia MS-338, teve que ser totalmente interditada na manhã de hoje (10.1). Até o momento, a rodovia apresentou problemas em quatro pontos diferentes.

Segundo a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), gestora das rodovias estaduais em Mato Grosso do Sul, a galeria que ainda existia e não havia sido rompida não suportou o volume de água das chuvas intensas e rompeu totalmente.

A Agesul também informou que está iniciando os trabalhos esta manhã para realizar um desvio e liberar o trânsito. No entanto, a previsão de duração dos serviços e liberação de passagem de veículos depende da análise dos engenheiros. Até o final da tarde de hoje a Agência irá informar a previsão.

MS-338

Interditada parcialmente desde o dia 2 de janeiro, devido ao desmoronamento de parte da pista, o trecho da rodovia MS-338 foi liberado na quinta-feira (4.1) para todos os tipos de veículos. A via estava em meia pista e só permitia a passagem de veículos de passeio e caminhões leves.

O desmoronamento desse trecho da MS-338, precisamente a 21 quilômetros do município de Santa Rita do Pardo, estava sendo monitorado por uma equipe da empresa que realiza a restauração da rodovia, a Pavi Service, que hoje também está cuidando dos trabalhos do desvio.

Veja Também

Clima Capital teve frio de 9°C Dia pode permanecer nublado mas sem previsão chuva
Mostra de Turismo terá trilhas e observação de aves na Capital
Roraima volta a pedir ao STF limite de entrada de venezuelanos
Nova espécie de rã recebe nome em homenagem a Corumbá
Animais ganham novos lares em ação do CCZ
Prefeitura de Dourados denuncia furtos de cabos da rede elétrica
Prefeitura quer melhorar serviço de Zona Azul em Três Lagoas
MPE investiga fiscalização de transporte de resíduos e entulhos
Justiça faz mutirão de causas de violência contra mulher
Capital lança programa para valorizar vida