Campo Grande •26 de Junho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Segunda, 5 de Junho de 2017 - 10h11CCR MSVia segue com pare-e-siga na BR-163/MSEm caso de chuva as obras serão interrompidas

 Alguns trechos da BR-163/MS operam em sistema de pare-e-siga em função de serviços e obras da CCR MSVia. Essas operações implicam em interdição de uma das faixas, enquanto o tráfego flui pela outra, alternadamente, nos sentidos Norte e Sul da via.

 O Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU alerta que as interdições momentâneas são necessárias para que as intervenções interfiram o mínimo possível no tráfego. O usuário deve redobrar a atenção.

 Pontos com desvio de tráfego:

 São Gabriel do Oeste – no km 643;

Campo Grande – no km 432;

Dourados – no km 270;

 Pontos com pare-e-siga:

 Bandeirantes – entre os kms 546 e 544;

Campo Grande – entre os kms 480 e 478 e entre os kms 423 e 422;

Nova Alvorada do Sul – entre os kms 363 e 361;

Caarapó ­– entre os kms 188 e 187;

Naviraí – entre os kms 126 e 124;

Mundo Novo – entre os kms 20 e 19.

 Em caso de chuvas, as obras poderão ser interrompidas. Todos os trechos estão sinalizados.

 A CCR MSVia alerta que o cronograma de obras e serviços é dinâmico, ou seja, outros pontos de intervenção com pare-e-siga ou desvio de tráfego podem ocorrer ao longo do dia. Acompanhe a evolução da situação de tráfego da BR-163/MS por meio do site www.msvia.com.br em tempo real, ou ligue para o Disque CCR MSVia pelo 0800 648 0163 (ligações gratuitas, inclusive para celulares).

Veja Também
Na Expo Beauty, beleza masculina está em destaque
Ação levará serviços à população de rua da Capital
Em Dourados, mutuários podem parcelar dívidas em até 10 vezes
Auditoria do TCE-MS encontra obras paralisadas em escolas
Justiça manda prefeitura interromper erosão no Sóter
Esquadrilha da Fumaça se apresenta em Bonito no dia 1º de agosto
Segunda, 26 de Junho de 2017 - 12h25Temer sanciona lei que permite descontos para compras feitas em dinheiro Lei que regulamenta a diferenciação de preços tem como origem a Medida Provisória (MP) 764/2016
Segunda, 26 de Junho de 2017 - 12h03Cheques devolvidos é menor em MS Em maio percentual de devoluções foi de 2,15%, aponta Serasa Experian
Segunda, 26 de Junho de 2017 - 11h33CCR MSVia segue com pare-e-siga na BR-163/MS Em caso de chuva as obras serão interrompidas
O luxo que vem do lixo: aberta exposição que promove arte e sustentabilidade
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothNews
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento