Menu
20 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner Governo - Maio amerelo
Campo Grande

CCR MSVia retoma pare-e-siga na BR-163/MS

Em caso de chuva as obras serão interrompidas

29 Ago2017Da redação12h20

A CCR MSVia retoma nesta terça-feira (29/08) as operações pare-e-siga. A Concessionária informa ainda que em outros trechos, implanta desvios no tráfego em razão da realização de obras e serviços de melhoria em locais da rodovia.

O Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU alerta que o respeito à sinalização de obras é muito importante, porque essas intervenções podem provocar pontos de lentidão e eventuais retenções de tráfego, o que sempre exige mais cuidado.

Pontos com desvios no tráfego:

Campo Grande – entre os kms 500 e 499;

Pontos com pare-e-siga:

Sonora/Pedro Gomes – entre os kms 804 e 802;

Rio Verde de Mato Grosso – entre os kms 685 e 684;

São Gabriel do Oeste – entre os kms 613 e 612;

Bandeirantes – no km 562;

Rio Brilhante – entre os kms 339 e 338;

Dourados – entre os kms 245 e 244;

Caarapó – no km 223;

Itaquiraí – entre os kms 67 e 65.

Em caso de chuvas as obras poderão ser suspensas, retornando tão logo elas cessem. Todos os trechos estão sinalizados.

 A CCR MSVia alerta que o cronograma de obras e serviços é dinâmico, ou seja, outros pontos de intervenção com pare-e-siga ou desvio de tráfego podem ocorrer ao longo do dia. Acompanhe a evolução da situação de tráfego da BR-163/MS por meio do site www.msvia.com.br em tempo real, ou ligue para o Disque CCR MSVia pelo 0800 648 0163 (ligações gratuitas, inclusive para celulares).

Veja Também

Rodovia que 'esfarelou' fica pronta em agosto
Simted suspende greve que iniciou na sexta-feira, dia 18
Dourados receberá Caravana da Saúde Indígena em junho
Campanha de Vacinação já imunizou 129 mil pessoas, diz prefeitura
Projeto estabelece o rastreamento precoce de doenças
Programa Universitário Cidadão tem início em Três Lagoas
Defesa Civil do Estado avalia impactos da cheia do Pantanal
Câmara conclui votação da regulamentação da profissão de físico
EUA acusam aliado de Maduro de narcotráfico e impõem sanções
Projeto endurece pena para homicídio contra população LGBT